Televisão

“No Man’s Land” é a nova série sobre a crise da Síria e os traumas do Estado Islâmico

Estreou a 19 de setembro na HBO Portugal e é uma produção francesa com oito episódios.
Tem oito episódios.

Uma família está de luto pela morte da sua filha num atentado bombista suicida. Mas o irmão suspeita que ela ainda está viva depois de a vislumbrar numa reportagem televisiva. Parte numa viagem ao Médio Oriente em busca da sua irmã perdida.

É esta a premissa para “No Man’s Land”, série francesa que estreou em Portugal a 19 de setembro e que mergulha nas profundezas da guerra civil da Síria. Pode ver os oito episódios na plataforma de streaming da HBO.

Antoine, o irmão francês, é o grande protagonista da narrativa. É ele que vai em busca da irmã, que foi dada como morta, e cujo desaparecimento está envolto em circunstâncias enigmáticas. Enquanto desvenda o mistério, Antoine une-se a vários grupos.

Um deles é a unidade de mulheres curdas — lutadoras e ferozes — que combatem o Estado Islâmico na linha da frente, nos territórios da Síria ocupados pelo seu povo. Além disso, existe o grupo desorganizado de idealistas internacionais que viajaram para aquela região do mundo para as apoiar.

A jornada de Antoine nas terras ocupadas pelo ISIS vai cruzar-se com a de Nasser, um jihadista britânico que deixou o seu país, em conjunto com dois amigos de infância, para lutar pelo Estado Islâmico e tentar instalar o tão desejado califado.

Embora o trio de amigos aparente ser profundamente dedicado à causa, não demora muito até se perceber que Nasser irá seguir o próprio caminho. Ambas as histórias vão interligar-se em pleno conflito armado e crise humanitária.

“No Man’s Land” promete “desenterrar verdades há muito esquecidas”, “ao mesmo tempo que se vai revelar a lealdade de cada personagem”, numa narrativa composta por “aventureiros, anarquistas, espiões e vítimas inocentes”.

A ideia é oferecer perspetivas diferentes sobre este conflito complexo, que mexeu com muitos outros países, e refletir sobre esta recente tragédia através das histórias destas personagens fictícias.

O elenco de “No Man’s Land” inclui Félix Moati, Mélanie Thierry, James Krishna Floyd, James Purefoy, Dean Ridge, Enja Saethren, Simon Harrison, Jo Ben Ayed, Julia Faure e Souheila Yacoub, entre outros.

No início deste ano estreou outra série relacionada com a guerra civil na Síria e com a atividade terrorista do ISIS. A produção sueca “Kalifat”, que se encontra disponível na Netflix em Portugal, foi um enorme sucesso junto da crítica e do público. O enredo foca-se na forma como muitos jovens europeus — de origem muçulmana ou não — foram recrutados pelo Estado Islâmico.

Carregue na galeria para conhecer outras das principais estreias de televisão (e do streaming) para este mês de setembro.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT