Televisão

Novo programa da Netflix mostra os melhores sítios do mundo para alugar nas férias

“The World’s Most Amazing Vacation Rentals” tem oito episódios e estreou recentemente na plataforma de streaming.
Tem oito episódios.

Numa mistura entre “As Casas Mais Extraordinárias do Mundo” e os programas de Anthony Bourdain pelo mundo, a 18 de junho, estreou na Netflix “The World’s Most Amazing Vacation Rentals”. É uma produção de oito episódios que mostra alguns dos alegados melhores sítios do planeta para alugar e passar umas férias.

O programa tem três apresentadores. O ex-agente imobiliário Luis D. Ortiz é o responsável por encontrar acomodações de luxo; a youtuber especialista em design Megan Batoon descobre as melhores pechinchas, de sítios baratos mas com qualidade; e a blogger de viagens e lifestyle Jo Franco identifica locais com características únicas, pela sua envolvência ou por estarem associados a algum tipo de experiência, por exemplo.

Os episódios, cada um com cerca de 35 minutos, são sobretudo temáticos — embora alguns sejam centrados em destinos turísticos específicos. Há programas sobre Bali e o Havai, mas também capítulos focados em casas flutuantes, estadias bizarras, ilhas privadas, estadias gourmet e dormidas nas árvores.

O trio de apresentadores, que passa duas noites em cada sítio, tanto faz uma estadia num iglu na Finlândia como numa mansão flutuante em Miami. Há ainda um apartamento em forma de cobra na Cidade do México, uma gruta de luxo nas Ozarks, um iate nas Caraíbas, um bungalow chique nas Bahamas, um chalé gastronómico no Japão ou uma casa da árvore numa quinta de alpacas. Não perca também um “ninho” acolhedor num campo de arroz de Bali e um resort no Alasca em que o gelo dos cocktails é retirado diretamente de um glaciar.

Além de mostrarem as melhores partes destes alojamentos diversos, os apresentadores participam de forma breve em experiências locais — dando a conhecer não só sítios para ficar, mas também coisas para fazer e ver nestas cidades ou regiões.

Não é um programa especialmente informativo — o lado visual dos locais e das experiências acaba por ser predominante —, mas dá para ficar com alguma ideia de coisas a fazer em cada destino.

Quase todos os alojamentos onde Ortiz, Batoon e Franco ficam — do mais remoto ao mais luxuoso — estão disponíveis nas principais plataformas internacionais de aluguer de quartos e casas para férias. Contudo, depois da estreia deste programa, sobretudo após um ano e meio de pandemia, o mais provável é que muitos deles já estejam a ficar com poucas vagas.

“Acho que vai haver alguma competição feroz pelos alugueres que se vê no programa, por isso recomendo que vão ao Airbnb agora”, disse Jo Franco numa entrevista ao “Chicago Tribune”.

E acrescenta: “Mas acho que o que as pessoas podem retirar do programa não é necessariamente sítios específicos, mas a ideia de que há tantos sítios para alugar, porque só vimos três propriedades por episódio. Por isso imagina quantos mais existem, e podes fazer isto de todo o tipo de formas. Viajar pela comida, pelo bizarro, e podes continuar e continuar, porque há quantidades intermináveis de categorias.”

Na mesma entrevista, a apresentadora diz que a sua experiência favorita do programa foi a estadia no iglu. “Não foi de todo a noite mais confortável, mas achei a Finlândia marcante e a tranquilidade de ali estar no inverno. Foi no norte da Finlândia, perto do Círculo Polar Ártico, vemos as auroras boreais e estamos num lindo lago gelado. E é muito fixe dormir em algo que sabes que vai derreter na primavera.”

Carregue na galeria para conhecer as principais séries que estreiam este mês de junho na televisão e nas plataformas de streaming.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT