Televisão

O que podemos esperar do final da terceira temporada de “Bridgerton”?

Ao contrário da primeira parte, os episódios vão ter uma dose maior de drama e conflitos entre Penelope e aqueles à sua volta.
O casal regressa com ainda mais drama.

“Um anúncio de tamanha magnitude esconde, sem dúvida, um segredo ainda maior. Estamos, então, perante uma questão: será que devemos arriscar tudo em nome da verdade?” É esta a questão que a Netflix deixa aos espectadores antes de mergulharem na segunda parte da terceira temporada de “Bridgerton”. Os novos capítulos chegam à plataforma esta quinta-feira, 13 de junho.

O mistério revelado pela sinopse é a verdadeira identidade de Penelope Featherington, que é também a infame Lady Whistledown, que conta a toda a gente as fofocas da família real da série.

É, simultaneamente, a protagonista dos novos capítulos. A personagem é interpretada por Nicola Coughlan, de 37 anos. Nos episódios, a jovem embarca na aventura de encontrar um marido e acaba por receber ajuda de quem ela menos esperava.

Desistindo da sua paixão de longa data por Colin Bridgerton (Luke Newton), procura alguém que lhe dê a estabilidade necessária para poder seguir a sua vida dupla como Lady Whistledown, longe da mãe e das irmãs.

A primeira parte foi repleta de humor e terminou com uma cena escaldante entre Penélope e Colin — o casal ganhou a alcunha Polin nas redes sociais, a partir da junção dos dois nomes. No final, o namorado faz o tão aguardado pedido de casamento, sendo a cerimónia e toda a preparação um dos grandes focos dos próximos episódios.

O novo romance que está a surgir torna-se o principal assunto de conversa na cidade, mas está muito dependente da verdadeira identidade de Penelope como Lady Whistledown. Se a verdade for revelada, tudo pode mudar — ou seja, não vai faltar drama.

A personagem principal está cada vez mais afastada de Eloise, a sua ex-melhor amiga, que ameaça revelar o que sabe, colocando em risco a reputação de Pen. “Se te é difícil dizeres a verdade, digo eu”, afirma no trailer.

Apesar de os outros acontecimentos estarem a ser mantidos em segredo pela Netflix, foi divulgada outra informação importante: os títulos dos episódios. O último capítulo da temporada chama-se “Into The Light”, que pode ser traduzido como “Em Direção à Luz”. A designação pode indicar um final feliz para a relação ou, por outro lado, que algo de mal acontecerá, como a morte de um dos personagens.

A temporada mais escaldante de “Bridgerton”

Nos oito novos episódios da série vemos Penelope a ser mais madura, algo que até então não tinha sido apresentado aos espectadores. Para mostrar o seu crescimento, o departamento do cabelo apostou tudo nos visuais mais glamorosos e com fios mais compridos. A jornada da protagonista também é representada através das borboletas, um animal que aparece frequentemente.

A evolução da Lady Whistledown também se reflete na primeira cena de sexo da personagem. No passado, sempre foi posta de parte pela família e também era constantemente ignorada nos bailes. Agora é uma mulher desejada.

Neste momento mais sensual, a atriz Nicola Coughlan teve Luke Newton ao seu lado. Tal como na história, os dois são amigos na realidade. “Somos parceiros de dança há cinco anos, então, fisicamente já tínhamos um grande à vontade, o que ajudou muito com esta cena”, conta a atriz de 37 anos à “E! News”.

Dar vida ao clichê de amigos a amantes no ecrã foi fácil. “Foi muito natural. Não tivemos de forçar nada. A evolução da relação deles levou algum tempo. Quando tudo se concretizou, demos o nosso melhor.”

Nicola, também conhecida pelo seu papel em “Derry Girls”, admite que nas duas primeiras temporadas tiveram de minimizar a química que existia fora das câmaras. “Quando a história nos levou a este ponto, pensámos: ‘OK, vamos a isso’.”

Muitos poderiam ter receio de cruzar a linha da intimidade com um amigo, mas Luke, de 31 anos, afirmou que a amizade foi uma mais-valia. “No início, pensei que gravar uma cena como esta com alguém que é minha amiga há cinco anos fosse uma experiência assustadora, mas, na verdade, foi reconfortante”, confessa.

E acrescenta: “Pareceu-me ser um espaço realmente seguro para explorar estes momentos de maneiras novas e interessantes. A série é conhecida pelas cenas quentes, então queríamos resumir a história de amor que existia entre o Colin e a Pen desta forma.”

Além de ser importante para a história de “Bridgerton”, o envolvimento sexual entre Colin e Penelope foi especialmente relevante para Nicola. A própria pediu à produção para estar “muito nua” nestas cenas, para mostrar às pessoas que não podem fazer comentários sobre o seu corpo.

“Pedi especificamente para que algumas falas e momentos fossem incluídos. Há um instante em que estou bastante despida à frente da câmara e isso foi uma escolha minha. Foi o maior ‘fodam-se’ possível para todos os que comentam o meu corpo e senti-me muito empoderada. Foi nesta altura que pensei: ‘Quando tiver 80 anos, vou olhar para trás e poderei ver o quão gostosa era’”, concluiu, em entrevista à “Stylist”.

Carregue na galeria e conheça outras séries e temporadas que estreiam em junho nas plataformas de streaming e canais de televisão.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT