Televisão

“PiT Stop”: o novo podcast da NiTfm sobre os animais de estimação das celebridades

É o novo projeto da PiT, a revista do universo NiT que se foca nos pets. Arranca esta quarta-feira — com a convidada Sara Matos.
Sara Matos é a primeira convidada.

Foi no início de abril que nasceu a PiT (Pets in Town), a mais recente revista digital do universo NiT, que se foca nos animais de estimação com uma componente lifestyle. Nesta quarta-feira, 18 de maio, pelas 18 horas, arranca o seu programa semanal de rádio na NiTfm: o PiT Stop. Depois, o podcast poderá ser ouvido sempre que quiser no site da rádio. 

“O ‘PiT Stop’ é um programa de conversas sobre os animais de companhia. Todas as semanas convido uma figura pública bem conhecida dos portugueses que tenha cães, gatos ou outros animais e que desenvolva com eles uma relação familiar. Os pets fazem cada vez mais parte das nossas famílias e, em muitas casas, são tratados verdadeiramente como ‘filhos de quatro patas’. Temos com eles uma relação de amor, mas também de companheirismo, cumplicidade, respeito. E, não raras vezes, em momentos difíceis das nossas vidas, são eles que ficam ali connosco firmes, quando tudo o resto parece ruir. São essas emoções, os sustos, as brincadeiras, os disparates, as manhãs que vão animar cada episódio do podcast”, explica Nuno Azinheira, diretor-executivo da PiT.

Em cada episódio, uma figura pública junta-se a Nuno Azinheira para uma conversa sobre o seu animal. “Vamos ter convidados que não precisam de legenda para a maior parte dos portugueses atentos ao mundo das artes e da vida quotidiana. Jornalistas, atores, apresentadores, desportistas, escritores, socialites e outras pessoas que, tendo existência real na televisão e nas páginas das revistas e sites, têm presença na vida dos portugueses.”

A primeira convidada é a atriz Sara Matos, que neste momento está a apresentar o “Ídolos”, programa da SIC. “A história da Sara e do Goji é apaixonante, prometo”, adianta Nuno Azinheira.

A maioria dos programas vai focar-se em cães e gatos — mas a porta não está fechada para outros animais. “Somos uma revista digital inclusiva, ora. Portanto, se houver uma figura pública muito conhecida que adore iguanas e as tenha consigo, claro que virá ao programa. Naturalmente, sabemos que os cães dominam nas famílias portugueses. Portanto, diria que os cães e gatos dos famosos serão o pano de fundo de 95 por cento das emissões.”

Quanto ao primeiro mês e meio de existência da PiT, Nuno Azinheira descreve a experiência como uma “aventura incrível”, recheada de “feedback muito positivo, quer por parte dos leitores, quer por parte das marcas”.

“Todos sublinham a versatilidade dos conteúdos e a sua utilidade. É isso mesmo: a PiT quer ser fun mas, sobretudo, útil para as pessoas. Porque só na PiT os leitores vão encontrar os melhores hotéis pet friendly para onde a família pode ir de férias toda junta; os restaurantes onde é possível levá-los; as lojas com acessórios e coisas giras para ficarem mais estilosos. O que queremos é que a PiT todos os dias se inspire na sua irmã mais velha, a NiT. Hoje, quando queremos fazer alguma coisa, pensamos logo em ir à NiT. É imediato. É esse lugar que a Pets in Town (PiT para os amigos) quer ocupar no que toca aos patudos. E o primeiro mês de vida está já a ser assim. Todas as semanas já recebemos dezenas de emails de marcas a falarem do seu negócio, da sua loja, da sua marca, do seu hotel, porque sabem que a PiT veio ocupar um lugar que estava vago.”

Nuno Azinheira acrescenta: “O podcast na NiTfm é apenas mais um veículo numa estratégia de diversificação de plataformas para a expansão da marca. Criámos o site em abril, um mês e meio depois lançamos o programa de rádio e muito em breve teremos outras novidades”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT