Televisão

Porta dos Fundos faz tour em Portugal — e vai ter a companhia de Inês Aires Pereira

Cada apresentação parte de uma entrevista com um convidado da plateia que dá origem a uma peça inteiramente improvisada.
Não resistem a Portugal.

Gregorio Duvivier, João Vicente de Castro e Gustavo Miranda, do coletivo Porta dos Fundos, não conseguem ficar longe do nosso País durante muito tempo. Ainda em 2023 o estiveram por cá a apresentar o espetáculo “Portátil”.

A mesma peça vai regressar a Portugal entre 23 e 30 de julho. Tal como a edição do ano passado, o elenco contará ainda com a atriz portuguesa Inês Aires Pereira.

Cada apresentação parte de uma entrevista com um convidado da plateia que dá origem a uma peça inteiramente improvisada e com uma narrativa mais estruturada. “Durante 1h10m, assistimos a uma recriação duma história a partir de alguém do público, que nos transporta para toda a sua vivência e acontecimentos mais marcantes, como o nascimento, as relações com pai, mãe, a infância, adolescência, os medos, o sonho”, descreve a organização.

Cada uma das datas vai, então, ter uma peça completamente diferente porque a base depende sempre da conversa com o convidado que está na plateia a assistir. As performances são, para os integrantes do Porta dos Fundos, “um lugar de invenção, de desdobramento, desenvolvimento dos atores e cumplicidade com a plateia”.

“Portátil” vai passar pelo Coliseu do Porto a 23 de Julho; pelo Fórum Braga a 24; Convento S. Francisco, em Coimbra, a 25; Aula Magna, em Lisboa, entre 26 e 28; e pelo Teatro José Lúcio da Silva, em Leiria, a 20 de julho.

Os bilhetes vão ser colocados à venda na segunda-feira, 22 de abril. Os preços começam nos 22€.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT