Televisão

“Pretty Little Liars”: o fenómeno de terror da HBO Max está de volta com mais sangue

Desta vez, as protagonistas tentam sobreviver a uma assassina em série durante a escola de verão.
É para ver com as luzes ligadas.

“Mais sangrenta, com sustos maiores e mais arrojados.” É isto que Roberto Aguirre-Sacasa e Lindsay Calhoon Bring prometem para “Pretty Little Liars: Summer School”. Os novos capítulos deste remake do fenómeno de 2010 vão chegar à HBO Max esta quinta-feira, 9 de maio.

O elenco composto por Bailee Madison, Chandler Kinney, Zaria e Malia Pyles vai-se manter. No entanto, a história decorre agora durante o verão, o que vai contrastar bastante com a primeira temporada, cujo ambiente era mais sombrio.

“Após os eventos angustiantes de ‘Pretty Little Liars: Original Sin’, as nossas Pretty Little Liars enfrentam um destino pior que a morte — a escola de verão. No entanto, não é apenas a Millwood High que atrapalha os seus divertidos empregos de verão e os novos interesses amorosos de sonho. Um novo vilão, que pode ou não ter uma ligação com A [o antagonista da primeira temporada], chegou à cidade e vai colocar todos à prova”, lê-se na sinopse.

Os novos capítulos vão ter ainda mais sustos e serão, acima de tudo, mais sangrentos. “Temos um novo vilão que pode estar conectado ao Archie Waters [o A], tal como aprendemos no primeiro episódio. Também introduzimos um site chamado SpookySpaghetti.com. Somos obcecados por sites com histórias assustadoras e quisemos ter a nossa própria versão”, diz Lindsay Calhoon Bring à “Cosmopolitan”.

Plot twist: o vilão desta temporada não é um homem, mas sim, aparentemente, uma mulher. Os seus assassinatos são ainda mais macabros do que os de A e Bloody Rose, assim se chama, é uma figura “assustadora e apocalíptica”, muito ao estilo do que vimos em “Massacre no Texas” e “Midsommar”. “Há muitas imagens realmente horríveis ligadas a filmes como estes e queríamos abordá-las um pouco.”

“Summer School” tem muitos daqueles clichês do terror dos quais nunca nos fartamos, nomeadamente os cultos. Durante a escola de verão, as protagonistas conhecem um colega que participa nas missas de uma igreja bizarra. “Há muita escuridão ali”, diz Roberto. “A Lindsay e eu somos fanáticos por filmes de culto com miúdos, como o ‘Children of the Corn’, então decidimos ir por aí. Esta é uma igreja marginal e nós adoramos esta pequena trama. Achamos que a Kelly e Greg [dois dos atores] são ouro no que diz respeito à comédia e conseguiram criar cenários bastante engraçados, mas, ao mesmo tempo, aterradores.”

A nova temporada da obra foi influenciada por muitos outros clássicos do terror como “The Strangers: Prey at Night” onde, curiosamente, Bailee Madison também participa. “Também queríamos ter um ambiente mais leve, daí termos incluído o verão.”

Para ir ao encontro da história, as filmagens decorreram durante a época mais quente do ano. “Estávamos no set e quando acabávamos de gravar íamos sempre comer um gelado e ver o pôr do sol no parque”, conta Malia Pyles, de 23 anos, à “Teen Vogue”.

Com a nova temporada quase a estrear e sem confirmação de uma terceira, o elenco está bastante emocionado. “Sinto-me muito grata pela série. Nós somos uma família e sinto-me muito realizada”, confessa Bailee, de 24 anos. “Acho que nunca mais vou ter uma experiência assim.”

Carregue na galeria e conheça outras das novas séries e temporadas que chegam às plataformas de streaming e canais de televisão em maio.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT