Televisão

RTP2 estreia documentário sobre a estrada que vai até ao Fim do Mundo

"Patagónia: A Estrada no Fim do Mundo" é um filme imperdível apresentado por Philippe Simay. Chega esta quarta-feira à televisão.
Esqueça a Route 66.

A Ruta 40, também conhecida como a Autoestrada da Patagónia, começa logo a sul da fronteira com a Bolívia e estende-se até à Terra do Fogo. As condições desafiantes ao longo desta longa estrada, com ventos cruzados fortes que podem levantar tempestades de cascalho, tornam-na um percurso não recomendado para motoristas inexperientes. No entanto, para os amantes da natureza e os aventureiros, oferece um imenso parque natural para explorar.

É precisamente sobre esse caminho que mergulha “Patagónia: A Estrada no Fim do Mundo”, documentário que vai ser transmitido na quarta-feira, 22 de novembro, às 16 horas na RTP2. O antropólogo e filósofo Philippe Simay convida os espetadores a uma jornada única ao longo da mítica Ruta 40 na Argentina, uma estrada lendária que oferece uma visão ímpar da Patagónia e uma região de beleza selvagem e inacessível que vai até ao chamado “fim do mundo”.

Philippe Simay, responsável pelo documentário, é conhecido pelo seu trabalho enquanto professor de Filosofia na École Nationale Supérieure d’Architecture de Paris–Belleville e co-fundador da revista “Métropolitiques”, centrada em questões urbanas e territoriais. O seu interesse académico tem-se focado em abordagens sensíveis à cidade, ao viver ecológico e às práticas de projetos arquitetónicos e urbanos inseridos nos campos da economia circular, social e solidária.

O documentário promete uma experiência imersiva na Patagónia, ao mesmo tempo que revela que a rota não só liga lugares, mas também pessoas.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT