Televisão

Série documental sobre a vida da ginasta Simone Biles está a caminho da Netflix

É a atleta mais medalhada da história da modalidade. Relato da sua vida chega à plataforma antes dos Jogos Olímpicos de Paris.
Estreia em julho.

Simone Biles é considerada a “melhor ginasta de todos os tempos”. Aos 27 anos, já conquistou 25 medalhas, sete delas nos Jogos Olímpicos, sagrou-se campeã mundial 19 vezes e é a atleta mais medalhada da história da modalidade.

Agora, a pouco mais de dois meses do início dos Jogos Olímpicos de Paris, a Netflix anunciou uma série documental sobre a vida da norte-americana. A primeira temporada de “Simone Biles: Rising”, com quatro episódios, chega à plataforma em julho, pouco antes do início da próxima edição das Olimpíadas, a 26 de julho.

A série documental mostrará os bastidores da participação da atleta nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020, que desistiu de disputar a final individual de ginástica artística para preservar a sua saúde mental. “Quatro anos depois, Biles ainda tem assuntos para resolver e a série documental oferecerá um olhar íntimo em relação a toda a história”, lê-se na sinopse.

Embora seja a ginasta norte-americana mais bem sucedida de sempre, o percurso da atleta tem tido altos e baixos. O pai desapareceu quando era bebé e a mãe lutou contra a toxicodependência e perdeu a custódia dos filhos. Biles e os irmãos foram colocados num orfanato até terem sido adotados pelos avós. Em 2018, a atleta revelou ter sido uma das mais de cem vítimas de abusos sexuais por parte de Larry Nassar, ex-médico da seleção olímpica de ginástica dos EUA, que foi condenado, em 2019, a 175 anos de prisão.

Com 1,42 metros, uma das causas de Biles é erradicar os estigmas de beleza associados à ginástica artística. “Não importa se és boa na modalidade que praticas, na tua vida, ou no emprego. A primeira coisa de que as pessoas vão falar é do teu aspeto. Mas tu vais prosperar, tornar-te alguém espetacular. Vocês são lindas por dentro e por fora”, referia a atleta numa palestra mesmo antes da pandemia, no auditório nova-iorquino Girls Club, no Lower Eastside, citada pela “Vogue”.

Aproveite e leia o artigo da NiT sobre o percurso de superação de Simone Biles. Carregue na galeria para ver as séries que estrearam no mês de maio.

Áudio deste artigo

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT