Ginásios e outdoor

Exercícios para ter as pernas mais fortes (e correr melhor)

Não basta correr. Também é preciso fazer exercícios para compensar os músculos que a corrida não trabalha. As dicas são de Celso Pinto, PT do Holmes Place.

Corre, no mínimo, cinco vezes por semana, mas ultimamente tem-lhe custado mais porque sente dores nos joelhos, nos tornozelos ou na anca? Pois, estas são as zonas das pernas que sofrem mais lesões por causa da corrida e o caro leitor muito provavelmente não estaráa fazer o trabalho de casa. Não basta correr, é preciso trabalhar os músculos.

“A corrida é um ótimo exercício, mas ainda assim não é totalmente completo”, explica Celso Pinto, personal trainer do Holmes Place, que explicou à NiT quais é que são os exercícios de pernas mais importantes para os corredores. Marcela Vitorino, professor de ioga do mesmo ginásio, exemplificou estas dicas com exercícios (ver galeria de imagens).

“É muito importante fazer um trabalho de compensação muscular, tanto nos músculos que intervêm na corrida, como nos que não intervêm“, acrescenta. É isto que vai evitar as lesões tão comuns na prática deste desporto e promover uma

“harmonia muscular” completa.

De acordo com o PT, os exercícios devem ser feitos em circuito, ou seja, o que se pretende é que se façam todos os exercícios de seguida, com as respetivas repetições. Para os menos experientes, Celso Silva aconselha duas séries de circuito e para os que já têm mais experiência entre três a quatro.

Para ver Celso Pinto e Marcela Vitorino a exemplificarem os seis exercícios para fortalecer músculos das pernas, carregue na imagem acima.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT