Alimentação Saudável

Descobrimos as piores opções de pão de forma à venda em Portugal

Na próxima vez que for às compras leve esta lista para saber quais são as marcas que não deve comprar.
Um alimento famoso.

O pão é um dos alimentos que marca presença assídua na maioria das mesas portuguesas. Acabado de sair do forno e barrado com manteiga é, provavelmente, a forma mais apetitosa de o devorar. Porém, o pão de forma acaba por ser uma opção habitual quando o objetivo passa por fazer torradas ou sandes para o lanche dos miúdos. No entanto, apesar de ser uma escolha comum devido ao tempo que se mantém sem endurecer, existem algumas opções que devem ser evitadas.

Simples, com cereais ou sem côdea, existem versões e formatos para todos os gostos. É um daqueles alimentos que quase todos temos na despensa para salvar uma refeição inesperada. Contudo, a nutricionista Bárbara de Almeida Araújo  alerta que estes produtos embalados não devem ser consumidos regularmente “uma vez que incluem, frequentemente, na sua composição açúcar, gordura, sal e conservantes”.

“O pão inclui-se no grupo dos cereais por ser elaborado a partir de farinhas de trigo, centeio, arroz, aveia, milho, ou espelta. Se antes, as opções de pão eram limitadas ao pão de água ou de mistura, hoje em dia, a variedade inclui receitas para todos os gostos e necessidades nutricionais”, diz a especialista em nutrição. Porém, algumas nem sempre são as mais saudáveis — em especial as mais processadas, como é o caso das versões embaladas.

As expressões “light” ou “0%” nos pacotes não querem dizer que sejam as melhores opções. No caso destes tipos de pão isto também se aplica, mas não basta ler as letras maiores dos rótulos. Normalmente, os ingredientes que deve evitar estão escondidos nos caracteres mais pequenos. É o caso do açúcar: “sacarose, xarope de…, palavras que terminem em ‘ose’”, alerta a nutricionista.

Não se esqueça também de ver sempre se há algum “E” seguido de um número, códigos que correspondem a aditivos alimentares. Deve também evitar as versões que incluem muitos conservantes e gorduras adicionadas, “principalmente as hidrogenadas”, explica Bárbara de Almeida Araújo.

Para conhecer as versões de pão de forma que não devem fazer parte das suas opções, a especialista em nutrição criou um raking — baseado na quantidade de açúcar adicionada — para o ajudar a escolher melhor um destes produtos. Carregue na galeria para descobrir a lista completa.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT