Alimentação Saudável

Esta é a fruta que precisa de ter sempre em casa durante o verão

É pouco calórica, super hidratante e saborosa. E não se preocupe: a NiT explica-lhe um método infalível para escolher a melhor.
É a favorita dos meses quentes.

Estamos já em contagem decrescente para a época mais quente do ano e a vontade de comer alimentos leves, doces e refrescantes, que retemperem energias e hidratem o corpo, começa a ser cada vez maior. A solução: acreditar no poder da fruta. 

Existem várias opções no mercado, mas há uma que é escolha frequente para saltar da prateleira do supermercado e ir parar à mesa lá de casa. Fatia a fatia, podemos arriscar dizer que é a fruta mais popular do verão: falamos-lhe da melancia. 

Esta super fruta é originária da África tropical e já é cultivada há mais de quatro mil anos. A razão é simples: está repleta de nutrientes, vitaminas e minerais, essenciais ao bom funcionamento do nosso organismo.

Mas os benefícios de comer melancia não ficam por aqui. Segundo a nutricionista Bárbara de Almeida Araújo, uma única melancia, “é maioritariamente rica em água (93,6 por cento), o que faz dela uma boa ajuda para controlar a fome ao longo do dia, já para não falar da hidratação.”

Além disso, as melancias são ótimas para evitar as insolações nos dias de sol e calor intenso, uma vez que a grande quantidade de água e eletrólitos desta fruta estimula à transpiração, uma ajuda também preciosa para refrescar o corpo.

Se há mais? Há, sim. É uma excelente fonte de antioxidantes, como a vitamina A, C, B6 e potássio, magnésio e fibra alimentar. Ajuda a eliminar as toxinas, é remineralizante, diurética, reduz os gases intestinais, ajuda nos problemas urinários e auxilia no combate ao reumatismo, pressão alta e bronquite.

Esta fruta apresenta-se ainda como um reforço do sistema imunológico, ajudando a proteger o organismo contra infeções e vírus. Traz benefícios para a saúde dos olhos e ajuda a manter uma boa memória. Por ser uma ótima fonte de licopeno, a substância que dá a cor avermelhada ao seu anterior e que funciona como antioxidante, reduz o risco de cancro, nomeadamente o da próstata, pulmão e estômago.

Se razões não chegassem, revelamos-lhe ainda que foi certificada pela “American Heart Association” como um alimento saudável para a saúde do coração. 

Esta fruta transborda benefícios para a saúde.

O método infalível para acertar à primeira na escolha da melhor melancia do mercado?

Talvez já tenha dado por si a apalpar ou a bater levemente na melancia, numa tentativa incerta de selecionar a mais madura e, como tal, a mais saborosa. O que, se calhar, não sabe, é que há uma forma infalível de levar para casa sempre a melhor melancia.

Numa entrevista à revista americana “Self“, a inspetora Katy Green, do Whole Food Market explica que o truque está em encontrar uma mancha dourada ou amarelada na casca: os chamados pontos de terra. Há quem afirme que estas manchas (não muito bonitas) significam que as abelhas, durante a polinização, tiveram muito contacto com a fruta. Um processo fundamental para que a fruta fique mais saborosa e doce.

“Durante o processo de crescimento, esses pontos começam brancos e gradualmente mudam de cor à medida que o teor de açúcar aumenta. Quando eles chegam a um tom dourado, isso significa que eles amadureceram completamente e estão prontos para ser colhidos”, explica Green.

A casca firme e brilhante é ainda outro sinal que indica que a melancia está madura e com mais sabor. Ser mais pesada também pode ser outro indicador. Ainda pode ter atenção redobrada sobre o caule desta fruta que se forem, segundo Katy Green, duros, encaracolados e verdes significa que está perante uma boa melancia. 

“Evite melancia com o caule em tons acastanhados, isso pode ser um sinal de envelhecimento”, alerta.

Agora que já está mais familiarizado com os benefícios para a saúde e as razões que explicam o porquê da melancia ser a fruta obrigatória para o verão, conheça as receitas que a NiT selecionou com esta fruta como protagonista.

Carregue na galeria para conhecer as sugestões.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT