Alimentação Saudável

Este é o Bolo Rainha mais saudável da Internet — surpreenda a família no Natal

Uma receita fit, sem açúcar, para poder comer uma das sobremesas natalícias sem estragar a dieta.
O Bolo Rainha vai ter muitos fãs este Natal.

O Bolo Rainha é um dos doces mais típicos da época natalícia e não pode faltar ao lado do Bolo Rei — especialmente para todos aqueles que não suportam fruta cristalizada. Em vez desta, é feito com frutos secos. Mas numa mesa tradicional portuguesa não é só com estes bolos que se faz o Natal.

As rabanadas, os sonhos, a aletria e o pão-de-ló também marcam presença. Porém, nenhum destas sobremesas é indicada quando queremos fazer uma alimentação mais regrada, sem fritos e gorduras em excesso. Se é  seu caso, então este Bolo Rainha é ideal para si. E guarda um segredo — não leva açúcar.

Esta receita é de Sandra Nereu, autora do blogue “Panelinha de Sabores”,  que quis recriar uma versão saudável sem perder as características que fazem dele um bolo natalício com muita história. “Um bolo rei ou rainha é um bolo fermentado, que tem uma massa própria e característica. Não são simples bolos de frutos secos”, afirma Sandra.

Como chegou a esta receita? “Com contas, muitas contas. Era preciso trocar farinha. O ingrediente adoçante não faz grande interferência neste tipo de bolos. Tinha de retirar alguma gordura e verificar se nenhuma das escolhas iria interferir com o processo de fermentação”, explica a blogger.

O Bolo Rainha Fit sem açúcar do blogue “Panelinha de Sabores”.

Do que precisa

— 2,5 canecas (620 mililitros no copo medidor) de farinha de espelta 

— 7 gramas (2,5 colheres de chá) de fermento padeiro seco 

— 50 mililitros de leite morno ou bebida vegetal (38 a 40ºC)

— 4 a 5 colheres de sopa do ingrediente adoçante que preferiram (açúcar mascavado, de coco, mel, agave, xaropes/geleias adoçantes, stevia)

— 2 ovos + 1 gema para pincelar no fim

— 2 colheres de sopa de iogurte grego natural (ou azeite)

— 1 colher de sopa de azeite

— raspa de 1 laranja

— 150 mililitros de chá de cidreira

— 200 gramas de mistura de frutos secos (à escolha)

— amêndoa laminada, amêndoa com pele, noz e coco ralado para a decoração

Como se faz

Coloque os frutos secos numa tijela com o chá para hidratarem. Reserve.

Dilua o fermento seco no leite quente, mexendo cuidadosamente até se dissolver. Deixe ativar reservando durante dez minutos (vai aparecer uma espécie de espuma que é normal, é sinal que está ativo).

Coloque todos os ingredientes, à exceção dos frutos secos, no processador de alimentos. Triture até obter uma massa pegajosa e homogénea (pode fazer numa tigela e amassar com as mãos ou usar a batedeira, primeiro utilize os batedores usuais e quando começar a enrolar troque para os batedores em hélice).

Passe a massa para uma tigela polvilhada com farinha e amasse até formar uma bola.

Junte os frutos secos e trabalhe a massa com as mãos até estes estarem incorporados, polvilhando com farinha, se necessário. Faça novamente uma bola.

Passe a massa para outra tigela também polvilhada com farinha, tape com um pano e deixe levedar em local quente e sem circulação de ar por cerca de três horas (mínimo 2h30).

Quando já estiver com cerca do dobro do tamanho passe para a bancada da cozinha e, com a mãos em movimento de vai e vem, faça um rolo com a massa. Forme uma argola com esse rolo.

Passe para um tabuleiro forrado a papel vegetal, pincele com gema de ovo batida mais uma colher de chá de leite (opcional). Decore com amêndoa laminada, noz, amêndoas e coco ralado e deixe descansar mais 10 minutos, novamente em local aquecido e sem circulação de ar.

Ponha o forno a aquecer a 180ºC. Passados os 10 minutos e com o forno já quente, leve o bolo a assar por 20 minutos (ou até estar dourado).

Carregue na galeria para descobrir quais são os doces de Natal mais calóricos — é possível que fique surpreendido com o primeiro lugar.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT