Alimentação Saudável

O tronco de Natal sem glúten nem açúcar refinado que vai fazer sucesso na ceia de Natal

A versão tradicional é a sobremesa mais calórica desta época — uma fatia de 100 gramas tem 400 calorias. Esta é mais amiga da dieta.
Todos vão ficar rendidos.

Durante a ceia de Natal é comum afastarmos todos os pratos para nos deliciarmos com as várias sobremesas típicas da época. Temos os coscorões, azevias, rabanadas, bolo-rei, sonhos, entre muitos outros. No entanto, há um que traz mais felicidade a todos os membros da família, quer sejam adultos ou miúdos: o tronco.

Tem este nome graças à sua aparência, que se assemelha bastante a um grande pedaço de madeira. Tem origem numa tradição antiga dos camponeses de França que, no inverno, queimavam um grande tronco de árvores frutíferas nas lareiras das suas casas, em nome dos deuses. Se demorasse a queimar, as famílias teriam um bom ano de colheitas. Caso acontecesse o contrário, o ano seria mais difícil.

Na véspera de Natal todas as famílias se juntavam à volta da lareira durante a refeição. Depois, os miúdos afastavam-se para rezarem e, quando chegavam, aquela estava cheia de doces. As cinzas que restavam eram guardadas para servirem de proteção a doenças. Além disso, eram espalhadas pela casa e plantações para atrair boa sorte.

Foi a pensar naquela tradição que se criou o delicioso tronco de Natal que, infelizmente, é mesmo a sobremesa mais calórica da quadra festiva. Na verdade, uma fatia de 100 gramas tem mais de 400 calorias, o que é semelhante ou até superior aos valores dos pratos principais. Por outro lado, existem algumas receitas mais saudáveis que não carecem de sabor, tal como prova esta proposta do blogue “Sejam Saudáveis, Sejam Felizes”.

Do que precisa

— 8 ovos
— 90 gramas de polvilho doce
— 85 gramas de amêndoa moída
— 60 gramas de açúcar de coco
— 150 gramas de manteiga sem sal

Para o recheio:

— 100 gramas de chocolate igual ou superior a 74 por cento de cacau
— 300ml de leite de coco

Como se faz

Vai começar por separar as claras das gemas, batendo-as individualmente (as claras em castelo). Num recipiente, junta o polvilho doce, a amêndoa moída e o açúcar de coco. Acrescenta as gemas batidas e a manteiga derretida. Acrescenta, aos poucos, as claras em castelo e mexe até ficar uniforme.

Agora, vai dividir o preparado em duas formas retangulares iguais e leva ao forno pré-aquecido a 180 graus durante cerca de oito minutos — mas o melhor é verificar se já está pronto usando um palito. Enquanto a massa está no forno, pode ir preparando a cobertura e o recheio. Tem de levar o chocolate negro e o leite de coco ao fogão e mexe até engrossas e uniformizar.

Vai colocar este recheio por cima da massa de uma das tortas e enrola. De seguida, põe o recheio na outra torta e coloca a preparada anteriormente em cima desta, enrolando-a também. Por fim, coloque mais cobertura por cima e faça uns riscos com um garfo, para ficar com um aspeto semelhante a um tronco. Leva ao frigorífico para solidificar e terá uma sobremesa que será um sucesso.

Se não consegue resistir a uma sobremesa, carregue na galeria para conhecer outras receitas fáceis de replicar (umas mais saudáveis que outras).

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT