Alimentação Saudável

Rachael Harris: como a estrela de “Lucifer” está na melhor forma de sempre aos 53 anos

Após o divórcio, contou com a ajuda do PT de Tom Ellis, seu colega de elenco e protagonista de “Lucifer”, para mudar de vida.
Atriz está de volta para o adeus a "Lucifer".

Não fez um pacto com o diabo mas teve a ajuda de um. É a própria a primeira admitir que os resultados a surpreenderam. “Se há cinco anos me dissessem que ia deixar o açúcar achava que era mais provável ir à Lua”, admitia no início do ano Rachael Harris em entrevista à “People”.

A atriz que interpreta Linda na série “Lucifer” não chegou a ir à Lua mas contava na mesma entrevista: “estou na minha melhor forma de sempre”. Dizíamos nós: não foi um pacto com o diabo, mas Lucifer até deu uma ajuda.

Depois do divórcio do violinista Christian Hebel, com quem teve dois filhos (Henry e Otto), Rachael teve o que descreve como uma epifania: “percebi que estava mesmo a perder-me e a não cuidar de mim”.

Foi Tom Ellis, o protagonista de “Lucifer”, quem deu uma ajuda: apresentou-a ao seu PT, Paolo Mascitti. O que aí veio foi uma mudança de hábitos e rotinas. Foram mudanças na alimentação e na forma como cuidava do corpo. Mas também tudo o que lhe trouxe extra a nível mental. E isso notou-se até nas filmagens de “Lucifer”.

“Quando estou a tratar do guarda-roupa, sinto-me mesmo forte, não estou à procura da cena magricela. Quando me visto penso mesmo: ‘bem, pareço forte e fit e saudável’. Até ando pelo set de forma diferente, sinto-me confiante”.

Não é só ela a notar. O PT com quem trabalha já partilhou imagens de Rachael a treinar. Numa das que mais reações captou, publicada há um ano, vemo-la numa foto a preto e branco, numa pose super estável, suportada apenas por um dos braços e pernas. A legenda não podia ser mais simples e nem sequer precisa de tradução. “badass”.

As mudanças

Foi com o PT de origem italiana, que trabalha com outros atores, que as mudanças alimentares começaram. Foi em maio de 2019 que tudo começou. Desde então o seu pequeno-almoço mais comum envolve “dois ovos mexidos, meia tigela de couves de Bruxelas ou brócolos e abóbora cortada”.

Ao almoço o foco é em carnes brancas ou salmão e muitos vegetais. “Sem amido e sem pão”, acrescenta. O lanche é também equilibrado e ao jantar o ritual é semelhante ao do almoço. Nem sempre foi fácil. Rachcael conta que uns biscoitos de cacau mais saudáveis ajudaram nas alturas em que antes apostava mais em soluções práticas mas mais calóricas, como barrinhas de cereais.

Os treinos com o PT tornaram-se regular. Rachael costuma fazer cerca de 1,5 quilómetros de corrida diários mas o grande foco é em trabalho de ginásio, algo que deu para adaptar como treino funcional em casa nos tempos de pandemia.

O PT vai procurando variar no trabalho de força, apostando em ir mudando o foco nas cadeias musculares. Por vezes trabalha mais pernas, noutras braços, ou abdominais. Ir variando é importante. E com um critério que se mantém: não são treinos longos mas de alta intensidade.

Rachael conta que houve momentos mais difíceis. Ser mãe de duas crianças pequenas e conjugar isto com treinos por vezes obriga a escolhas. “Foi preciso repensar o problema. Eu escolho isto por mim mas também pelos meus filhos”. Nesta altura da sua vida, sente mesmo que resultou.

“Para mim, até pode ter parecido ao início que o treino era físico, mas era muito mais mental. É aquele cliché de mente, corpo e espírito. Mas eu não entendia isso totalmente até que o comecei a fazer”.

A atriz está agora de volta ao ecrã na série que a fez chegar a um público maior. “Lucifer”, embora seja atualmente uma das séries mais adoradas da Netflix, teve um percurso bastante atribulado. A produção foi transmitida originalmente na Fox, que acabou por a cancelar após três temporadas. Em 2018, a Netflix trouxe o projeto de volta após inúmeras campanhas online dos fãs para que “Lucifer” não desaparecesse sem um fim digno.

Já esta semana, no lançamento da última temporada, a atriz voltou a agradecer aos fãs. Foram eles, com o seu carinho pela série, que a mantiveram de pé. A nova temporada do projeto será mais curta do que as anteriores — tirando a quarta —, visto que terá apenas dez episódios. Trata-se de uma despedida criada especialmente para os fãs.

Após mais de um ano de espera, os fãs deste demónio virado Deus podem finalmente respirar de alívio ao saberem que já têm um bom plano para o fim-de-semana: ver todos os dez episódios da temporada de despedida de uma das séries de maior sucesso da Netflix, protagonizada por Tom Ellis, Lesley-Ann Brandt e, claro, Rachael Harris. “Lucifer” chegou esta sexta-feira, 10 de setembro, à plataforma de streaming.

“Lucifer” não é a única novidade deste mês. Carregue na galeria para conhecer todas as 23 séries (ou temporadas) novas para descobrir em setembro.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT