Alimentação Saudável

Sofre de ansiedade? Saiba o que deve comer para não devorar doces quando tiver uma crise

Quando o stress, o medo e outros sentimentos negativos se apoderam de si, os chocolates e as bolachas não ajudam.

A ansiedade tem marcado a vida de muitos portugueses nos últimos meses. O regresso à normalidade e o abandono do teletrabalho fez com que o ritmo diário voltasse a acelerar. A correria diária, a pressão e os desafios que todos temos de enfrentar podem despertar sentimentos mais negativos como o stress, medo e cansaço. O cenário fica ainda mais negro quando muitas pessoas procuram refúgio na comida para lidarem com a situação. Nesses momentos, importa respirar fundo e saber o que comer. Mas já lá vamos.

Quando se encontra num estado de apreensão desagradável, resultando numa preocupação maior do que a exigida pela situação, pode vir a desenvolver vários sintomas físicos e psicológicos. Dor de cabeça, no peito, incapacidade de concentração e sentir vontade de comer — mesmo que não exista fome — são apenas alguns.

“Os doces confortam, permitem que nos esqueçamos, por momentos, dos nossos problemas, dão-nos uma sensação de prazer e relaxamento, mas é apenas momentâneo”, explica à NiT a nutricionista Sónia Marcelo. Além de não resolverem o problema, podem causar ainda mais dissabores, por isso, deve fugir deles.

Alguns alimentos podem, não só ajudar a combater a ansiedade, como podem ser preciosos aliados durante as crises. Como explica a especialista em nutrição, “uma alimentação equilibrada, com os poderá ajudar a regulação hormonal e do sistema nervoso, reduzindo os sintomas”.

“Para isso, é preciso que haja um esforço sustentado no sentido de incluir na dieta alimentos ricos em magnésio, ómega 3, fibras, proibioticos e triptofano”, refere a nutricoach. Estes nutrientes ajudam a regular a flora intestinal e aumentam a produção de serotonina, também conhecida como hormona da felicidade, que ajuda no combate à ansiedade.

Fora isso, é também importante prestar especial atenção à diminuição do consumo de alimentos ricos em açúcares e farinha de trigo, já que estão associados a alterações na glicemia e na produção de serotonina.

Carregue na galeria para saber quais são, afinal, os alimentos e nutrientes que o podem ajudar a controlar da ansiedade.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT