Alimentação Saudável

Tremoço: o snack mais popular da quarentena (e que não compromete o peso)

Contêm pouca gordura e são ricos em proteínas e fibra. Só tem de ter cuidado com o teor de sal.
Desta é que não estava à espera, não é?

Há séculos que o tremoço existe na Europa e é comum começar a vê-lo nas esplanadas quando a chegada do calor. Este petisco é especialmente popular em Portugal, sobretudo acompanhado de uma imperial, porém, até esses momentos a pandemia roubou. Mas, atenção: isso não diminui o consumo deste petisco.

Do Facebook ao Instagram, há quem publique imagens na varanda ou no sofá com o tremoço como companhia. É, talvez, um dos petiscos mais famosos desta quarentena. O que pode não saber é que é também um dos mais saudáveis.

Da família do grão e feijão, foi muito popular entre os romanos e pensa-se que terá chegado a outras partes do mundo durante a expansão do império. Atualmente, é considerado um petisco em países de cultura mediterrânica, como Portugal, Espanha e Itália.

De acordo com a nutricionista Bárbara de Almeida Araújo, o tremoço tem pouca gordura e é rico em proteína e fibra. Destaca-se também por ter na sua composição importantes minerais como o cálcio, potássio, magnésio, ferro e zinco. 

“Para quem come a casca, o valor nutricional é semelhante, mas com um pouco mais de fibra”, pode ler-se no site da Deco, que diz que este petisco é dos mais saudáveis e baratos — um frasco de 800 gramas da marca Continente custa 2,99€.

Têm poucas calorias.

Não se preocupe com as calorias: 60 gramas desta leguminosa significam 70 calorias. Portanto, apenas um tremoço, em média, são 2,3 calorias.

“Opte por embalagens guardadas em local fresco e ao abrigo da luz solar. Se escolher embalagens em vácuo, certifique-se de que estão intactas. Depois de furadas, o ar entra e a conservação fica comprometida. Guarde os tremoços no frigorífico, imersos no líquido de conserva ou em água com sal. Consuma, no máximo, em cinco dias”, recomenda também a Deco.

Mas — e há quase sempre um “mas” — é preciso ter atenção ao teor de sal. “Basta comer uma porção de 30 gramas para consumir um quinto da dose máxima diária recomendada (cinco gramas) de sal”, diz à NiT a nutricionista Bárbara de Almeida Araújo.

Neste caso, a também autora do blogue “Manias de Uma Dietista” sugere que se passe os tremoços por água corrente ou demolhar durante alguns segundos.

O tremoço é comercializado a granel ou embalado. No geral, de acordo com a Deco, é mais fácil poupar se optar por embalagens grandes.

Para quem não é fã de tremoços, ou apenas quer variar, a NiT sugere oito snacks saudáveis. Carregue na galeria para tomar nota.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT