Ginásios e outdoor

75 Sports Club: “É uma nova comunidade de corrida que vai mudar estilos de vida”

Pretende revolucionar a maneira como muitos encaram o exercício físico, praticando-o em grupos, para não faltar motivação.
O grupo começa no ativo no róximo dia 6.

Afonso Ferrada e André Teixeira conhecem-se há bastante tempo e são grandes amigos. No verão passado decidiram embarcar juntos num desafio, o 75 challenge, criado em 2019, pelo empresário Andy Frisella, podcaster e CEO da empresa de suplementos 1st Phorm.

O objetivo do programa é levar os participantes a adotarem hábitos saudáveis e a desenvolverem um estilo de vida mais positivo. Além de modificar o condicionamento físico, pretende também “transformar a resistência mental de cada um”, descreve o site oficial. 

Andy Frisella decidiu criar o desafio após entrevistar James Lawrence, conhecido como Iron Cowboy por completar 50 provas IRONMAN’ em 50 dias consecutivos, em todos os 50 estados dos EUA. Após a conversa, ficou convencido que também precisava de se testar em situações desconfortáveis.

Durante dois meses e meio, mais precisamente durante 75 dias, iria ler dez páginas de um livro à sua escolha diariamente, praticar pelo menos dois tipos de exercício físico (um deles obrigatoriamente ao ar livre), beber quatro litros de água e evitar comer alimentos com açúcar e processados, optando por refeições mais saudáveis.

Durante um período calmo das suas vidas, Afonso e André decidiram seguir as regras de Frisella “para ver no que dava”, recordam. “Aproximou-nos muito e deu-nos um novo estilo de vida. Continuamos a manter muitos hábitos, mas na altura questionámo-nos várias vezes se aquilo fazia sentido e se valeria relamente a pena. Temos 21 e 20 anos, portanto,o verão foi tentador, com muitos jantares e saídas à noite.  No entanto, fomos muito disciplinados e não falhámos”, começa por contar à NiT Afonso Ferrada.

Depois de verem os resultados obtidos, não a nível corporal, mas de mudança de mindset, não quiseram voltar à vida de antigamente. Aliado a isso, começaram a tentar promover uma saúde mais cuidada junto daqueles que lhes são mais próximos.

“Sentíamos que o exercício estava muito esquecido. Por vezes, as pessoas até querem fazê-lo, mas as desculpas acabam por se sobrepor. Seja porque não querem ir sozinhos ou porque não estão suficientemente motivados. Começamos a pensar em criar uma comunidade que pudesse ajudar há três meses, e foi assim que surgiu o 75 Sports Club, um novo grupo de corridas”, relatam Afonso e André.

Os fundadores “cozinharam” a ideia durante algum tempo e tentaram definir os contornos pelos quais se queriam guiar. “Eu estudo em Inglaterra e lá existem muitas iniciativas deste género, já participei em várias. Inspirei-me nelas porque em Portugal ainda não é algo comum.”

Através da experiência pessoal percebeu que muitas das pessoas que lá encontrava inicialmente apareciam pela ideia de estarem acompanhadas. “É um sentimento muito importante, sentir que não estamos sozinhos. Por isso é que não vamos ser apenas mais um grupo de corridas. Vamos mostrar, em conjunto, que a nossa comunidade vai mudar estilos de vida e que isso tem vários benefícios. Nem tudo precisa de ser uma competição, vamos fazê-lo de forma saudável.”

Para que isso aconteça, em todos os treinos vão proporcionar águas, snacks e suplementos a quem os acompanhar. Em breve também vão estabelecer parcerias com ginásios e marcas de sapatilhas, para conseguir proporcionar aos atletas a melhor qualidade e conforto possíveis.

“Queremos ter estas coisas todas porque o nosso objetivo é mesmo dar-lhes uma boa experiência.  As nossas corridas não têm nenhum custo associado, as pessoas só têm mesmo de querer participar. Desta forma achamos que vamos conseguir mudar mentalidades.”

A primeira corrida está agendada para o dia 6 de julho, altura em que Afonso já está de regresso a Portugal. Uma vez que estuda marketing, é ele que está responsável por toda a estratégia nas redes sociais, sendo que André, licenciado em ciências do desporto, vai coordenar todo o grupo.

O ponto de encontro é às 9 horas, junto ao restaurante La Siesta, no Passeio Marítimo de Algés, e a saída está marcada para as 10. Vão seguir até ao Padrão dos Descobrimentos, em Belém (Lisboa), num percurso de dois quilómetros e meio, e depois voltam a fazer o trajeto no sentido inverso.

“Aquela hora inicial vai ser muito importante para nos conhecermos e percebermos os objetivos de cada um. Importa dizer que qualquer pessoa se pode juntar, mesmo que não tenha experiência nenhuma. Nós vamos acompanhar e ajudar toda a gente que não tenha ainda um ritmo e não as vamos deixar para trás.” No final está garantido um momento de confraternização.

Desta data para a frente, a iniciativa vai realizar-se todos os sábados de manhã. Caso queira pertencer a esta nova comunidade e queira saber mais sobre ela, pode juntar-se à conversa de Whatsapp criada ou então ao grupo no Strava (rede social dedicada aos desportistas). Por lá vai encontrar todos os pormenores sobre os percursos a realizar, como a distância e dos pontos de interesse.

Por enquanto, o 75 Sports Club dedica-se apenas à organização de treinos em corrida, mas em breve pretende abranger outros desportos. “Escolhemos esta modalidade para começar porque é muito fácil fazê-la. Não requer praticamente nada, basta calcarmos umas sapatilhas confortáveis que já tenhamos em casa e metermo-nos a caminho. No futuro queremos apostar no padel, que se vive também muito através da socialização.”

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por 75 SPORTS CLUB ™ (@75sportsclub)

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT