Ginásios e outdoor

A antiga discoteca Tira Vira transformou-se no novo espaço de fitness em Aveiro

O hotel que lhe serve de casa foi renovado e conta agora com duas zonas novas: um ginásio e um spa, onde pode fazer vários tratamentos.
Abriu em abril.

Nos anos 80 e 90, era a cave mais famosa de Aveiro, até porque era precisamente ali que funcionava a discoteca Tira Vira. Agora, esse espaço transformou-se para receber o novo refúgio fitness da cidade. Fica no Hotel Afonso V, chama-se Quinto – Fit & Spa, e está aberto desde o dia 6 de abril.

“O espaço já nos pertencia desde essa altura, mas estava fechado há muitos anos, mais de vinte. Em 2019, acabei por pedir autorização ao Turismo de Portugal para aumentar a dimensão da nossa unidade hoteleira, que de 76 quartos passou a ter 96, e também para criar esta nova zona”, começa por contar à NiT Filipe Almeida, o diretor da empresa que tem o mesmo nome do hotel.

A renovação fez todo o sentido. Afinal, tratava-se de uma área que estava “morta, sem uso, e desabitada há demasiado tempo, por isso tinha de ser reabilitada”. Ainda assim, o espaço do spa, que tem cerca de 400 metros quadrados, foi o último passo das obras.

“Fomos fazendo tudo de forma muito calma e faseada. O nosso hotel que tem dois edifícios foi todo recuperado, por isso teve de ser aos poucos. Primeiro tratámos de um bloco, depois avançámos para o outro, de seguida focámo-nos concretamente nas salas, no bar, no terraço e no lounge. Só em junho do ano passado é que arrancou a renovação da cave e das salas onde agora é o ginásio. A verdade é que valeu a pena porque enriqueceu muito o hotel, não tinha nenhuma área dedicada ao bem-estar.”

O espaço da discoteca era amplo, em open space. Os responsáveis não quiseram mudar isso. A decoração pretende criar um ambiente luxuoso e amazónico, através de materiais de alta qualidade. “Temos tons verdes e pedras de grande dimensão a imitar mármore.”

Onde estava, por exemplo, a dança, agora existe um jacuzzi que leva 13 pessoas e tem 90 centímetros de profundidade. A cabine do DJ deu agora lugar a uma sauna, as casas de banho a duas salas de massagem e o bar ao banho turco.

“O ambiente ficou muito bom, reaproveitámos algumas ideias. Por exemplo, a iluminação que a pista tinha é agora aquela que ilumina o jacuzzi. Contamos ainda com um banho sueco e um flutuário como tenho a certeza de que existem poucos no País.”

No total, tem três metros por dois e meio e a altura da água é de 50 centímetros. Conta com uma composição elevada de magnésio e mais de 50 por cento de sal —“o que causa o efeito de mar morto e gravidade zero” —, por isso tem vários benefícios para a saúde.

“É como se fosse uma mini piscina, mas melhor porque o nosso corpo pode tirar benefícios do seu uso.”  Esta experiência é paga à parte. Custa 22€ por 20 minutos e 28€ por 40 minutos, no caso de ir sozinho. Para duas pessoas, o valor é de 30€ e 42€, respetivamente.

Por aqui é possível realizar vários tratamentos, que vão desde um ritual reequilibrante inspirado na Ayurveda, um sistema de medicina alternativa desenvolvido na Índia, para encontrar harmonia entre o corpo e a mente (75 minutos por 85€). Também pode optar por uma hidratação facial (60 minutos por 65€), ou então uma escultura corporal reafirmante, modeladora e anticelulite (60 minutos por 65€). Pode optar ainda pelas massagens feitas com pedras quentes (70€), sal dos himalaias (70€). Há propostas drenantes (70€), de relaxamento (40€) e tailandesas (75€), por exemplo.

O objetivo do Quinto – Fit & Spa “é ser um espaço de relaxamento onde as pessoas possam usufruir de tempo de qualidade, seja a fazer tratamentos ou a praticar exercício.” Dessa forma, conta também com um novo ginásio de 180 metros quadrados, divididos em duas salas, onde estão sempre dois PT disponíveis para o ajudar e várias máquinas da marca BH Fitness.

Na zona maior vai encontrar passadeiras, airbikes, elípticas, multipowers onde pode fazer vários exercícios e ainda uma zona com pesos para musculação, por exemplo. Lá pode treinar de forma individual, acompanhado por um profissional, de forma autónoma, ou então participar nas aulas de grupo. Entre a oferta, está o impact, o core, a mobility, o burn e o booten camp.

Por enquanto, só podem participar, no máximo, quatro pessoas de cada vez. Mas, em breve, o objetivo é transformar uma sala vazia que fica mesmo ao lado numa zona para grupos maiores. “Vamos fazê-lo em breve, está nos nossos planos. A verdade é que nos pedem muito para conseguir ter mais um aluno ou outro, por isso temos de fazê-lo. Mas nunca quisemos criar um ginásio de centro comercial, por isso vamos evoluindo aos poucos, consoante seja necessário.”

Pela área maior, existe ainda uma zona de descanso, com um sofá onde pode fazer uma pausa, água e café grátis para todos, bem como o acesso a toalhas do hotel para utilizar na hora do treino.

Já a sala mais pequena é inteiramente dedicada ao Pilates e conta com vários aparelhos, como os reformer, o Cadillac e a bunda chair: no fundo, vários auxiliares de postura.  Também pode ter aulas desta modalidade (com máquinas e sem máquinas)

Nos espaços dedicados ao fitness, a decoração procurou fazer uma ligação com o restante ambiente do hotel. “Utilizamos ferragens pretas, que é a nossa cor predominante, e também apostámos muito nas madeiras. Há uma parede toda forrada a este material, que é o mesmo que temos no nosso hall.”

O horário de abertura do ginásio é das 7 às 21 horas. O spa funciona das 10 às 20 (todos os dias). Caso queira experimentar o Quinto – Fit & Spa, saiba que a entrada é permitida a toda a gente. Ou seja, não precisa de ser hóspede do hotel.

“Queremos chegar às pessoas da nossa cidade, porque a média do público do nosso hotel é de 1,8 noites. Portanto, fica apenas de passagem. Até agora a adesão tem sido muito boa e esperamos que os aveirenses venham cada vez mais ter connosco.”

O preço das mensalidades no ginásio começa nos 50€, com direito a frequentar duas vezes o ginásio e uma o spa (semanalmente). Se quiser passar por qualquer um dos locais três vezes por semana cada, o valor sobe para 195€. E se não quiser ter qualquer limite, a melhor solução será a modalidade de acesso livre, que custa 150€. 

Tenha em conta que a taxa de inscrição é de 60€, mas que não existe fidelização. “Não queremos obrigar ninguém a estar agarrado a nós por x meses, achamos que não faz qualquer sentido.”

Carregue na galeria para ver algumas imagens do novo Quinto – Fit & Spa.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT