Ginásios e outdoor

Centro náutico de Viana do Castelo está como novo e a funcionar todo o ano

O complexo na praia do Cabedelo foi requalificado em parceria com a North. Agora, tem mais valências e funcionalidades.
Foi reinaugurado a 18 de maio.

Uma zona balnear, mais material e novas valências. “O maior centro náutico do País” foi requalificado e mudou de nome. Desde 18 de maio, o agora Club North by FeelViana, em Viana do Castelo, passa a estar aberto durante o ano inteiro. Funcionava de forma sazonal desde a inauguração, em 2017 — apenas entre abril a outubro.

“Temos um novo visual e mais funcionalidades, contando com a parceria de uma das marcas náuticas mais prestigiadas do mundo, a North. A insígnia já era nossa parceira há cerca de cinco anos, e propôs que fossemos o seu primeiro centro náutico, ainda não tinham nenhum. Querem começar a formar uma rede e acharam que este era o sítio certo para o fazer, dada a relação que já tínhamos”, começa por contar José Sampaio, de 486 anos, administrador do FeelViana Sport Hotel.

A localização privilegiada, as infraestruturas e o valor comercial foram algumas das características que atraíram o investimento. O edifício do centro foi integralmente requalificado e decorado com madeiras e outros elementos mais modernos. Também foi feita uma reorganização interna: agora os equipamentos estão divididos por modalidades e com todas as informações técnicas acessíveis aos clientes.

“É necessário terem esses conhecimentos, porque um corpo com 90 quilos não precisa do mesmo tipo de material que um de 50. Assim conseguimos dar mais autonomia às pessoas, para estarem mais informadas sobre as suas escolhas.”

Outras das novidades é a ligação direta ao bar da praia, que fica localizado mesmo ao lado e que também foi renovado. Ainda assim, a alteração mais significativa foi a criação de uma infraestrutura com balneários, com duches, casas de banho e cacifos. Agora, os clientes já têm um espaço onde “odem estar à vontade a trocar de roupa ou a tomar banho”.

“Era uma ideia que tínhamos desde a inauguração, mas devido a vários percalços e à falta de enquadramento legal, só agora foi concretizada. O nosso projeto começou a ser desenhado em 2015, logo com o intuito de ser um hotel que apoiasse as atividades náuticas. Era algo vez que se enquadrava na ideia que o município tem para a cidade, de ser virada para o mar.”

“Ainda assim, estas melhorias só foram possíveis de concretizar este ano. Estamos muito contentes com o resultado. Se antigamente a praia era vista como um sítio apenas de lazer e frequentado no verão, está a perder esse caráter sazonal. Recebemos pessoas o ano inteiro, por isso, vamos estar abertos todo o ano, e não só nos meses com mais movimento. Precisávamos ter condições à altura para oferecer a quem nos visita.”

A nova instalação está recuada uns metros relativamente ao centro, uma vez que não é permitido construir este tipo de infraestruturas na linha da frente da praia. Ainda assim, não está reservada exclusivamente aos hóspedes do hotel onde o complexo desportivo está inserido — o FeelViana — uma vez que qualquer pessoa pode ir até lá alugar material ou ter aulas, que podem ser individuais, em grupo, ou semi-privadas (com duas pessoas).

“Neste momento temos cinco modalidades diferentes disponíveis: o kitesurf, windsurf, surf, stand up paddle e o wing foil. Esta última é mais recente, está agora a começar a fazer parte das novas tendências e tem muito potencial para crescer cá. Foi formada a partir das outras, é quase como uma inovação, e para a fazer a pessoa coloca-se de pé sobre uma prancha e segura diretamente uma asa, que acaba por gerar força e, assim, mover-se na água.”

Todos os equipamentos disponíveis para alugar são da marca parceira e serão renovados todos os anos, proporcionando aos atletas o melhor material disponível no mercado. Além disso, o centro já tinha por hábito receber as apresentações das coleções da North e a partir de agora será também um local de testes. Em junho será ali feita a divulgação do material de 2025, que ficará logo pronto a ser utilizado, conferindo aos atletas a possibilidade de o utilizarem muito antes de chegar às lojas.

O primeiro sport hotel do País, o FeelViana, abriu a 10 de maio de 2017, napraia do Cabedelo, com vista desimpedida para o Oceano Atlântico e rodeado por um vasto pinhal. Inserido num terreno com 20 mil metros quadrados, conta tem 46 quartos, dos quais 15 são suites, e nove bungalows (para dois adultos e duas crianças). “O arquiteto responsável por este projeto foi Carlos Castanheira, que é natural do Porto, da escola do Siza Vieira. É muito conhecido pelos seus trabalhos em madeira, que é exatamente o material protagonista aqui.”

O hotel também tem um spa com piscina interior, sauna, banho turco e serviço de massagens e tratamentos. Existe ainda um lounge terrace com vista para a praia do Cabedelo, onde se servem refeições e cocktails. Também há um bar, um business center onde se organizam seminários, festas da empresa, entre outros eventos, e uma piscina exterior.

Além das propostas náuticas conta também com modalidades como bicicleta, trail running, running, trekking, ioga e pilates, para as quais existem vários instrutores especializados a dar formação e assistência.

Carregue na galeria para ver mais imagens do novo Club North by FeelViana.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT