Ginásios e outdoor

O acessório que ajuda a aliviar a tensão e rigidez musculares em casa e sem massagens

É um objeto dois em um e fácil de transportar. Pode ser usado para relaxar a nuca, as costas, os pés, as pernas e os gémeos.
Pode ser usado antes ou depois do treino.

O stress do dia a dia e as más posturas que adotamos, causam rigidez muscular. Sentimos o corpo tenso e nesses momentos, tudo o que nos apetece é uma massagem. Porém, ir a um spa ou a um espaço dedicado à recuperação muscular nem sempre é viável. A atividade física também ajuda a relaxar, mas por vezes não é suficiente para aliviar zonas específicas do corpo. A solução — segundo muitos entusiastas das redes sociais — pode estar num gadget que parece ter invadido todos os feeds e que ajuda a libertar a tensão muscular em minutos, sem sair de casa.

Chama-se pistola de massagem muscular e, segundo o personal trainer Francisco Rebola, “é um acessório muito útil, sobretudo para atletas. Permite uma utilização diversificada e com diferentes efeitos de acordo com a forma como que é utilizado”.

Normalmente, este pequeno aparelho é usado por fisioterapeutas e preparadores físicos. “Em contexto terapêutico, visa essencialmente uma indução do relaxamento muscular”, começa por explicar o PT. Outro objetivo da utilização “passa pela ativação de forma externa de músculos por vezes enfraquecidos pela exigência dos movimentos desportivos repetitivos, ou simplesmente por posturas incorretas adotadas de forma recorrente”.

Usar antes do treino 

Como é um acessório muito recente, ainda não existe investigação científica cumulativa que analise de forma aprofundada os seus benefícios. Porém, um breve estudo publicado no “Journal of Clinical and Diagnostic Research” em 2014 descobriu que: “os participantes que experimentaram cinco minutos de terapia de vibração ou 15 minutos de massagem reportaram significativamente menos dor muscular até 72 horas após o exercício do que aqueles que não fizeram nenhuma delas. Os que utilizaram um dispositivo vibratório recuperaram ainda mais depressa do que o grupo da massagem nas primeiras 24 horas.”

Há vários modelos e preços.

Para utilizar a pistola antes do treino, Francisco Rebola explica que “deverá ser aplicada uma maior frequência de vibração com uma amplitude baixa”. “Esta melhoria da capacidade de alteração do comprimento muscular irá ter efeito na qualidade dos movimentos, devido ao aumento da amplitude das estruturas articulares adjacentes”.

Conselhos a seguir

Dependendo do fabricante e modelo do aparelho poderá ter possibilidade de regular a intensidade da massagem consoante a frequência ou a amplitude da vibração. A primeira diz respeito à velocidade de impactos por segundo criados pela máquina. A segunda variável, a amplitude, refere-se à profundidade de penetração dessa mesma vibração ao longo dos tecidos. O personal trainer lembra que a má utilização deste acessório pode ter efeitos nefastos nos músculos e deixa alguns conselhos:

— Apreender, de forma detalhada, o funcionamento e configuração do aparelho;
— Não o aplicar de forma prolongada, apenas durante um período máximo de 15 a 30 segundos em cada zona;
— Usar apenas sobre os tecidos moles, neste caso músculos, e nunca pressionado as estruturas ósseas;
— Aplicar o contacto contínuo sempre segundo o alinhamento das fibras musculares;
— Fazer a massagem sobre músculos no seu comprimento neutro, ou seja, na posição neutra e relaxada no que diz respeito ao binómio alongamento-encurtamento muscular, vulgo contração e extensão;
— Sempre que possível, recorra a terceiros para aplicação da massagem com o aparelho, especialmente profissionais credenciados para a prática das técnicas mencionadas.

Se quiser experimentar os benefícios de uma pistola de massagem muscular, existem vários modelos no mercado. Na Decathlon encontra opções à medida de diferentes orçamentos. Os preços variam desde os 49,99€ aos 500€.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT