Ginásios e outdoor

O primeiro campo de padel de Sesimbra nasceu num telhado — e dá para ver o mar

Dá para bater umas bolas enquanto se aprecia as pequenas pausas para espreitar o horizonte.
Vai uma partida?

Duas raquetes e uma bola. É difícil encontrar algo mais simples. Vimo-lo em rivalidades históricas no ténis, com batalhas de horas entre Roger Federer e Rafael Nadal. Ou numa qualquer disputa entre amigos ou casais com as raquetes de praia.

Era, por isso, fácil de imaginar que o Padel conquistasse novos adeptos quando chegasse a Portugal. Ainda assim, do primeiro campo, ainda nos anos 90, até hoje, o crescimento foi exponencial. Hoje em dia disputam-se torneios e diversas competições, há uma federação dedicada à defesa do desporto e cada vez mais pessoas a descobrir este desporto.

Diogo Correia já há alguns anos que descobrira o Padel entre amigos mas quando queria jogar já sabia que teria de sair do seu concelho, de Sesimbra, para ir jogar a outras paragens. Ainda para mais, com o ginásio para gerir, o tempo por vezes escasseava, como conta à NiT. Felizmente há momentos em que tudo se alinha.

O MyFitness Club, em Sesimbra, é um negócio de família a funcionar desde 2009. Contava já com clientes de longa data mas juntou agora em abril esta novidade: o primeiro campo de Padel de Sesimbra. Com um fator curioso: nasceu num telhado.

“Nós tínhamos o terraço na parte de cima e com isto da pandemia queríamos abrir algo mais, extra ginásio. Como não há nada aqui em Sesimbra de Padel”, a aposta valia a pena. Chama-se My Padel Sesimbra. O novo espaço abriu a 15 de abril e está ainda em fase de acabamentos.

Já dá para jogar.

Para a semana chegam umas redes mais altas. “Nesta altura ainda é normal que algumas bolas saiam mas as novas redes vão ter mais uns quatro metros de altura, no total vai ficar com oito ou nove metros de altura, já é pouco provável que as bolas saiam”

Os primeiros praticantes já experimentaram o espaço. Quem nunca jogou mas tiver curiosidade em descobrir o Padel nos próximos tempos, pode ficar descansado: está nos planos a chegada de um professor.

O espaço do My Padel Sesimbra é aberto ao público. Quem quiser reservar já o encontra na aplicação Aircourts. A partir das 17 horas o preço é de 7€ por jogador. Para os membros do ginásio o preço é de 5€. “A ideia é levar as pessoas do ginásio para o Padel e levar as pessoas do Padel ao ginásio”, explica.

O potencial do espaço está não apenas no piso onde se pode jogar mas no que se vê à volta. “Isto é virado ao Meco, é virado para o pôr do sol. Vemos o mar. Isto tem um sunset incrível”, conta Diogo Correia. Por essa razão, nos planos está também embelezar o espaço com detalhes em madeira. Com sorte, quando o verão chegar, e caso a pandemia não se intrometa, vai ser possível também desfrutar de uma futura zona lounge.

A ideia não é montar um bar propriamente dito, apenas colocar umas máquinas à disposição dos clientes. O resto fica por conta do cenário, com o mar lá ao fundo a confundir-se com as cores com que o fim de dia pinta o horizonte. É natural que dê vontade de lá voltar para outra partida — e um pouco mais de pôr do sol.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT