Ginásios e outdoor

O truque para se manter ativo (e em forma) enquanto está em teletrabalho

Passar muito tempo em casa no mesmo sítio pode trazer várias complicações, mas há uma forma fácil de contornar isso.
É preciso mover o corpo

Há mais ou menos um ano que passamos em casa a maior parte — se não todo — do nosso dia. Tudo passou a ser feito em casa, até mesmo o trabalho, o que tem as suas desvantagens.

Claro que demorar cinco minutos desde que acordamos até estar à frente do computador numa reunião é bom, assim como deixar de gastar tempo e gasolina nas deslocações para o trabalho. No entanto, faltam-nos as conversas com os colegas, as idas ao café e, sobretudo, o movimento físico que tudo isso implica.

Estar em casa em confinamento e sobretudo em teletrabalho têm sido fatores-chave para fazer menos exercício e, em boa parte dos casos, trabalhar mais horas ou perder a noção do que é trabalho e o que são momentos de descanso. Isso tem implicações a nível de saúde mental, como depressão e ansiedade, mas também a nível físico.

Passar oito horas por dia sentado em frente ao computador e com poucos minutos de atividade leva a uma séria perda de massa muscular e a dores devido a um mau posicionamento. É por isso que é tão importante fazer exercício, nem que seja o simples passeio higiénico de que tanto temos ouvido falar.

Por outro lado, tanto tempo parado também pode fazer com que descuidemos — ou não adequemos ao tipo de atividade que temos agora — a alimentação. Isso vai promover, naturalmente, um aumento de peso.

O truque para se manter ativo (e em forma) enquanto está em teletrabalho

Assim, é importante manter-se ativo, fazer exercício e adequar a atividade às suas necessidades ou possibilidades. “Recomendo duas sessões de ioga por semana que equilibrará a sua energia e irá ajudá-lo a fazer alongamentos para evitar dores musculares”, aconselha o personal trainer e diretor do ginásio virtual Sprinter Pass, Alex Lamata, citado pela revista “Glamour”.

Este treino pode também ser complementado com a prática de dança desportiva outros dois dias por semana. É uma atividade que ajuda a fazer exercício sem dar conta e que, além do corpo, é ótima para melhorar a energia e o ânimo.

Apesar de poder fazer estes exercícios mesmo sem sair de casa, é importante que tente também fazer alguma atividade fora de quatro paredes, mesmo que seja durante o seu passeio higiénico. É importante apanhar um bocadinho de sol e de ar e até ver pessoas além daquelas que moram connosco, se for o caso.

“Tente sair para caminhar uns 45 minutos por dia se é das pessoas que passam horas em teletrabalho. Ponha a máscara, procure uma zona livre de semáforos e, se possível, com natureza à volta. Saia para arejar a mente”, diz ainda o treinador.

Carregue na galeria para descobrir as melhores contas para seguir se quer começar uma rotina de treino em casa, seja qual for o seu tipo de atividade favorito ou condição física.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT