Ginásios e outdoor

PSP encerra ginásio a funcionar com oito clientes — que se esconderam num alçapão

A polícia levantou nove autos de contraordenação para 11 infrações.
Foto de Victor Freitas.

Um ginásio foi encerrado esta terça-feira, 16 de fevereiro, pelo Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública (PSP). O estabelecimento na vila do Forte da Casa, em Vila Franca de Xira, estava em “pleno funcionamento” e tinha no seu interior oito clientes.

Num comunicado citado pelo “Notícias ao Minuto”, a PSP explica que terá intercetado um cliente e a dona do espaço logo numa das entradas. Após uma conversa com a proprietária, terá avançado para uma vistoria ao local, “tendo sido possível intercetar os restantes clientes no seu interior”.

Ainda assim, quando deram conta da presença das autoridades, os clientes terão tentado esconder-se “através de um alçapão que dava acesso ao telhado do edifício”. Desta busca resultou o levantamento de nove autos de contraordenação, correspondentes a um total de 11 infrações.

Este ginásio estava “em claro incumprimento às medidas decorrentes da declaração do estado de emergência em vigor, nomeadamente, por se encontrarem em violação do encerramento de atividade do estabelecimento, dever geral de recolhimento obrigatório e uso de máscara”, sublinha ainda a PSP.

Recorde-se que Portugal entrou no passado dia 15 de janeiro num novo confinamento geral, o que obrigou, entre outras coisas, ao encerramento dos ginásios.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT