Ginásios e outdoor

Terminou a batalha jurídica entre David Beckham e Mark Wahlberg

O futebolista mantinha uma disputa judicial com a F45 Training, empresa do ator norte-americano.

David Beckham e a empresa de fitness F45 Training, co-propriedade de Mark Wahlberg, resolveram finalmente a disputa judicial que mantinham há dois anos, em que o futebolista acusava a companhia de não cumprir o contrato que fazia dele um embaixador da marca desportiva.

Em comunicado revelado esta quinta-feira, 6 de junho, a F45 Training declarou ter “alcançado um acordo que resolve um processo anterior instaurado pela DB Ventures Limited, relativo a um acordo de embaixador com David Beckham.” Revela ainda que a empresa de Beckham continuará a ser investidora na F45 Training.

Segundo os documentos do tribunal quando o processo foi instaurado em outubro de 2022, Beckham pedia à F45 um total de 18 milhões de euros, por alegado incumprimento de contrato devido a um acordo promocional que o atleta inglês celebrou com a empresa de fitness em 2020.

A ação alegava que Beckham não recebeu a compensação devida pela parceria com a F45. Os advogados do britânico acusavam a empresa de beneficiar da relação com Beckham para melhorar a sua reputação. Antes do acordo alcançado esta quinta-feira, o caso estava previsto ir a julgamento a 25 de janeiro de 2025.

Na quinta-feira, Dan Dienst, vice-presidente executivo do Authentic Brands Group, afirmou que a DB Ventures Limited está “satisfeita por ter resolvido esta questão e por manter o investimento na F45”.

“Há muito tempo que a F45 apoia — e continua a apoiar — Beckham, assim como ele tem apoiado a nossa marca, e estamos satisfeitos por termos alcançado uma decisão mútua de negócios para resolver a questão”, explicou Tom Dowd, CEO da F45 Training.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT