Ginásios e outdoor

Transformation: o programa fit online que já tem mais de 500 alunos

Entre treinos e planos alimentares, o projeto de André Carvalho quer ajudar os portugueses a serem mais saudáveis apenas com métodos naturais.
André formou-se em desporto.

André Carvalho tem 37 anos, mas foi aos 22 que começou o seu primeiro projeto, o The Natural Coach. Tinha acabado de sair da faculdade, começado a trabalhar num ginásio, e queria mostrar a toda a gente que era possível ter um corpo trabalhado e definido apenas com métodos naturais, como o exercício e a alimentação. Mal sonhava que em 2024 viria a ter um dos atuais programas de transformação física mais cobiçados da internet, o Transformation, que atualmente ajuda mais de 500 alunos.

“Há uns anos as pessoas não acreditavam que era possível atingir um certo nível sem tomar qualquer tipo de suplementos ou esteroides, era uma cultura quase enraizada. Foi a isso que me agarrei, quis mudar mentalidades e solidificar o conceito de que se pode treinar e estar ativo em qualquer lado, que não é preciso obrigatoriamente ir a um ginásio nem de gastar muito dinheiro, e que mesmo assim é possível atingir os resultados pretendidos”, começa por conta o PT à NiT.

Essa filosofia era algo que praticava no seu dia a dia. Fazia exercício em qualquer lado, sem estar preso a um ginásio, e essa ideia era passada constantemente aos seus alunos. Os resultados tornaram-se visíveis e a lista de pretendentes também.

Aos 29 anos deixou os ginásios e as aulas de ensino básico que dava e dedicou-se ao online. Criou uma página para chegar a mais pessoas e divulgar o seu método natural e começou a dar treinos ao domicílio e em vários jardins. O negócio foi escalando e na impossibilidade de conseguir aceitar mais alunos, focou-se apenas no Instagram. Uma opção que lhe deu mais liberdade de tempo e de espaço.

“Em janeiro de 2023 acabei por criar um desafio, o Transformation, que durava apenas 30 dias. Aí já tinha vários clientes, mas nada comparado ao nível de hoje: foi uma forma de permitir que pessoas que não treinavam comigo — por não existir mais disponibilidade ou até mesmo por questões monetárias — o pudessem fazer desta forma. O feedback foi muito positivo e percebi que não podia acabar com aquilo, os atletas queriam mais.”

Foi desta forma que o desafio deu origem ao programa com o mesmo nome, mas desta vez com a duração de um ano. “Atualmente acompanhamos mais de 500 pessoas. Logo em fevereiro lançamos de forma muito cuidada, inicialmente foi apenas para aqueles que já estavam connosco. Este ano é que temos feito um grande investimento na promoção e no marketing. Acredito que o facto de partilharmos cada vez mais resultados alcançados nas redes também está a chegar a mais gente, que depois nos procura.”

O Transformation é um programa de treino e um método de dieta que ensina a ganhar e melhorar hábitos para uma vida melhor, mais saudável e mais leve. Conta com a ajuda de vários profissionais, desde nutrição a professores, e através de vídeos explicativos e com dicas de todos os exercícios que constam no plano de treino elaborado para cada um, foca-se em dois tipos de práticas: o treino feito em casa e o feito no ginásio.

Cada atleta escolhe aquele que preferir, apesar de estarem sempre os dois disponíveis. Na primeira opção é utilizada carga externa e o objetivo é aperfeiçoar a técnica. Na segunda opção, as pessoas só utilizam o peso corporal, um colchão, dois alteres (ou pacotes de arroz) e elásticos, na tentativa de superar quais queres limitações de espaço e de material.

A nível da dieta é feito um cálculo para cada participante do Transformation, que fica a saber a quantidade de calorias e de nutrientes que deve ingerir por dia, tendo em conta o seu peso, altura e objetivo. Todo o plano é desenhado de forma a que o dia seja o mais completo possível e que consiga alcançar (e não ultrapassar) os macronutrientes necessários.

Depois entre três opções de controlar os valores, pode escolher aquela com a qual se identificar mais. A primeira, consiste em adicionar os ingredientes que consumiu e de dessa forma ser feita a contagem — é a menos utilizada, uma vez que é a que tem mais margem para erro.

A segunda dá a possibilidade de optar pelas receitas que estão disponíveis: neste registo, se fizer alguma alteração na proposta, todas as outras refeições do dia são automaticamente ajustadas. A última dá sugestões de alimentos que deve consumir para alcançar os objetivos pretendidos, contando com a ajuda de uma tabela de substituição que lhe permite que se naquele dia não quer comer ovos ao pequeno-almoço, tenha opções igualmente saudáveis para se poder guiar.

Estão ainda disponíveis vários tipos de conteúdos em formato de vídeo como, por exemplo, as 90 perguntas que mais fizeram a André ao longo dos seus 15 anos de carreira. Além disso, todas as pessoas são adicionadas a uma comunidade onde podem ser tiradas dúvidas e onde todos se motivam mutuamente.

O projeto está aberto a qualquer pessoa, mesmo as que nunca praticaram exercício físico. Só não é aconselhado a menores de 16 anos. “Consigo garantir resultados a partir de 30 dias, mas também é importante referir que não são apenas as mudanças corporais que interessam, as internas também são muito importantes. Estou a falar de rotinas, mindset, é um conjunto de coisas que no final vão potenciar ainda mais evolução.”

Caso se queira inscrever no Transformation, saiba que o pode fazer online e existe a possibilidade de pagar uma mensalidade de 29,99€ ou então de com o preço de 89,70€ ter logo acesso a 12 semanas.

Alguns dos processos de evolução.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT