Ginásios e outdoor

Vai abrir um estúdio com treinos de 20 minutos no Parque das Nações

O novo spot da Personal20 deve começar a funcionar ainda em setembro.
Deve abrir ainda este mês.

“Tínhamos várias aberturas previstas e ficou tudo paralisado. Mas, neste momento, pela minha experiência, julgo que vêm dias melhores para a abertura de novas unidades”, disse à NiT Pedro Ruiz, 62 anos, CEO da Personal20, em junho deste ano. As suas expectativas parecem estar corretas. Depois do estúdio de Braga, a marca vai abrir mais um spot em plena pandemia.

É no número 2C da Rua do Mar Vermelho, no Edifício Mar do Oriente, no Parque das Nações, em Lisboa, que se vai instalar mais uma unidade. Sem nenhuma data concreta avançada, sabe-se que a inauguração está prevista para setembro.

Como é habitual, são cerca de 100 metros quadrados totalmente dedicados à eletroestimulação, um tipo de treino que tem vindo a angariar cada vez mais adeptos em Portugal nos últimos dois anos. Como o CEO já explicou à NiT, este espaço, tal como os restantes, estão adaptados à nova realidade a que o novo coronavírus obriga.

Cumprindo as medidas de segurança estipuladas pela Direção-Geral da Saúde, vão estar presentes marcações de entrada e saída, assim como do sítio para treinar; vários avisos espalhados pelo estúdio; e dispensadores de álcool gel.

Se seguir as orientações do Personal20 que estavam a ser praticadas nos últimos dois meses, estará a funcionar apenas por marcação e com sessões a cada hora, de forma a haver tempo para a desinfeção dos fatos e materiais — antes da pandemia, os treino da marca aconteciam de 30 em 30 minutos, ou a cada 45.

Como são os treinos de eletroestimulação?

Primeiro, deve saber que se trata de é um método intenso que combina a contração voluntária, através da realização de exercícios específicos e dinâmicos, com a contração provocada pela eletroestimulação ativa dos principais grupos musculares. Tudo isto acontece com o acompanhamento de um personal trainer.

Isto traduz-se num treino de apenas 20 minutos que permite trabalhar cerca de 300 músculos em simultâneo, com 90 a 100 por cento de ativação de fibras musculares. Resumindo: são à volta de 36 mil contrações. O facto de serem treinos curtos e eficazes tornam-se boas soluções para quem tempo pouco tempo ou anda sempre à pressa, deixando de ter desculpa para não treinar.

“O treino equivale a 90 minutos de treino convencional, reduzindo assim o tempo gasto a ficar em forma”, garante a Personal20.

Sobre o número de sessões semanais para ver resultados, “é aconselhável fazer uma ou duas vezes por semana, dependendo dos seus objetivos”. Também é fundamental garantir um período de descanso de 48 horas entre os treinos. “Após quatro sessões começará a ver e a sentir os resultados iniciais. Após dez sessões, juntamente com uma dieta saudável, irão surgir resultados impressionantes”, explica.

Os estúdios não são, no entanto, apenas para quem quer emagrecer. Estão preparados para trabalhar força e performance atlética (com a ativação de 90% das fibras musculares); tonificação e modelação corporal (ajuda na redução da celulite e melhora o sistema circulatório); e melhoria da saúde.

Para as sessões de eletroestimulação, é necessário usar um fato especial. Porém, neste momento, é geral a todas as unidades da marca: é obrigatório comprar o fato interior de algodão — antes era possível fazer o aluguer. Custa 40€. Já o fato elétrico, como é muito caro, está disponível para todos os clientes, sendo que sofre uma enorme desinfeção entre cada utilização.

Os clientes apenas têm de usar máscara de proteção nas zonas comuns, dispensado-as durante a prática de exercício. Já os PT estão sempre com máscara ou viseira e luvas. O valor habitualmente praticado para treinar duas vezes por semana é de 129€ por mês.

Além de Portugal, a Personal20 está presente nos Estados Unidos e Emirados Árabes Unidos, com um total de 14 estúdios.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT