saúde

Jogos Olímpicos de Tóquio não vão ter público estrangeiro nas bancadas

A decisão foi conhecida pelo organizador do evento e será a primeira vez que tal irá acontecer nos Jogos.
Só adeptos do Japão poderão entrar.

Pela primeira vez na história, uma edição dos Jogos Olímpicos não terá público estrangeiro a assistir nas bancadas. A decisão relativa aos jogos de Tóquio, no Japão, marcados para este verão, foi conhecida este sábado, 20 de março. Esta é uma forma de minimizar os riscos em relação a contágios por Covid-19, já que este costuma ser um evento de massas.

Todos os espetadores fora do Japão que já tenham comprado bilhete serão reembolsados. Se o motivo de entrada no País for para assistir aos jogos, não o poderão fazer. A decisão é também aplicada aos jogos Paralímpicos, que se realizam assim que os outros terminarem.

A organização não voltou a falar da questão do adiamento, como chegou a ser feita em 2020. Em vez disso, foi reforçada a ideia de que o evento será uma prova contra o vírus e também se irá adaptar para que tenha uma maior cobertura televisiva em todo o mundo.

A edição original dos Jogos Olímpicos em Tóquio estava marcada de 24 de julho a 9 de agosto de 2020. Este ano, a cidade japonesa irá receber atletas de todo o mundo entre os dias 23 de julho e 8 de agosto.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT