Saúde

60 mil pessoas estão na lista de espera para o auto-agendamento da vacina

O coordenador da task force diz que, em princípio, estes casos terão resposta durante os próximos três dias.
O auto-agendamento está disponível para os maiores de 50 anos.

Os portugueses com mais de 55 anos já tinham tido a possibilidade de fazerem o auto-agendamento para receberem a vacina da Covid-19. Agora, voltou a acontecer, quando foi aberto o auto-agendamento para os maiores de 50: há milhares de pessoas em fila de espera para fazerem a marcação, tendo em conta a tamanha procura no portal dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde.

Segundo a “Antena 1”, há neste momento cerca de 60 mil pessoas em lista de espera, que ainda não conseguiram agendar a sua vacinação. O responsável pelo processo de vacinação, o vice-almirante Henrique Gouveia e Melo, diz que em princípio estes casos serão “resolvidos nos próximos três dias”, e que estas pessoas serão agendadas dentro “de uma semana, semana e meia”.

Os atrasos têm a ver com a necessidade de verificar as bases de dados e de identificar os utentes, justificou o coordenador da task force. A ministra da Saúde também assegurou que nos próximos dias vão ser “disponibilizadas soluções” que vão permitir que a lista de espera vá desaparecendo.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT