Saúde

Enfermeiros dos centros de saúde anunciam greve por tempo indeterminado

Lisboa, Porto e Coimbra serão os distritos afetados pela paralisação convocada para setembro. Os serviços mínimos estão garantidos.
A paralização começa dia 2 de setembro.

A Associação Sindical Portuguesa dos Enfermeiros (ASPE) convocou uma nova greve para dia 2 de setembro, sem precisão de data prevista para terminar. A paralisação parcial será levada a cabo pelos enfermeiros dos centros de saúde das Unidades Locais de Saúde de Coimbra, São João e Santo António, no Porto e de Santa Maria e São José, em Lisboa. 

As exigências passam pela atualização das tabelas remuneratórias e manutenção na respetiva categoria, bem como a defesa de um mínimo de 35 por cento de enfermeiros especialistas. 

Os profissionais vão fazer greve durante duas horas no turno da manhã, entre as 9h30 e as 11h30, e duas horas no turno da tarde, entre as 16h30 e as 18h30, de segunda a sexta-feira.  

Recorde-se que a última paralisação dos enfermeiros foi convocada para quinta-feira, 4 de julho pelo Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP). Os profissionais dos centros de saúde das Unidades Locais de Saúde de Amadora/Sintra, Estuário do Tejo, Loures-Odivelas, Santa Maria, São José e Lisboa Ocidental cumpriram um dia de greve.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT