Saúde

Agência Europeia de Medicamentos autoriza anel vaginal para prevenir o vírus da Sida

Este organismo garante que o dispositivo é cerca de 30 por cento eficaz.
Será especialmente importante nos países com taxa elevada de casos de VIH.

A Agência Europeia de Medicamentos aprovou a utilização do anel vaginal de Dapivirina (DPV-VR) para a prevenção do vírus da Sida. É feito de silicone e fácil de dobrar e aplicar.

O anúncio foi feito a 24 de julho, mas só agora recebeu maior atenção internacional. “O DPV-VR destina-se a ser usado para reduzir o risco de adquirir VIH durante o sexo vaginal para mulheres com 18 anos ou mais, que estão em maior risco de VIH”, pode ler-se no site oficial da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Segundo a agência, o dispositivo é cerca de 30 por cento eficaz para este efeito e oferece às mulheres maior controlo sobre a prevenção de infeções. 

“É necessário elaborar diretrizes para informar as mulheres sobre a eficácia dos métodos utilizados isoladamente ou em conjunto, como no uso do anel e do preservativo. Além disso, elas precisarão de ser informadas de que o anel protege contra a aquisição do HIV durante o sexo vaginal, mas não por outras vias, principalmente o sexo anal.”

A OMS refere que esta decisão é especialmente importante, por exemplo, em África, onde ainda há muitos casos de VIH em mulheres jovens e adolescentes.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT