Saúde

Altice Arena e Pavilhão da Ajuda vão funcionar como centros de vacinação contra a Covid

Lisboa vai contar com sete centros de adicionais de administração da vacina.
Um dos novos centros de vacinação.

Ao todo são sete os espaços em Lisboa que vão estar a funcionar como estruturas de apoio ao plano de vacinação. A novidade de que o “Dinheiro Vivo” dá conta chegou pelo próprio presidente da câmara municipal de Lisboa, Fernando Medina, numa sessão plenária da Assembleia Municipal que decorreu por videoconferência.

Numa altura em que os setores da cultura e entretenimento têm sido bastante afetados pela pandemia, um dos espaços de espetáculos mais emblemáticos da cidade vai contar com nova missão. A altice Arena é um dos locais que vai contar com centros de vacinação. O Pavilhão da Ajuda é outro dos novos espaços. A estes juntam-se ainda o Pavilhão Manuel Castelbranco, em São Vicente, o Picadeiro, o Hospital Pulido Valente e ainda a sede da Assembleia Municipal de Lisboa (na Av. De Roma) e a Junta de Freguesia de São Domingos de Benfica.

Assim que o número de vacinas disponíveis o permita, estes espaços vão juntar-se às três unidades de saúde familiar que já estão a dar seguimento em Lisboa ao processo de vacinação contra a Covid-19. Fernando Medina adiantou ainda que estas estruturas de reforço na capital vão contar com 60 enfermeiros contratados pelo município e o apoio de 40 profissionais da proteção civil e polícia municipais.

Estas dez unidades vão estar focadas na atual fase de vacinação, que neste momento é direcionada para idosos maiores de 80 anos e doentes crónicos acima dos 50 anos. As novidades em Lisboa surgem após na quarta-feira se ter conhecido da aposta de um centro de vacinação através em modo drive-thru no Porto.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT