Saúde

Anúncios publicitários a bebidas alcoólicas podem vir a ser proibidos em Portugal

A estratégia visa aplicar ao álcool as mesmas restrições da promoção do tabaco. Estará em discussão pública até ao final do mês.
O álcool é identificado como carcinogénico.

A publicidade a bebidas alcoólicas poderá ser proibida em Portugal, aumentando as restrições já existentes aos anúncios comerciais a determinados produtos. É uma das medidas incluídas na Estratégia Nacional de Luta contra o Cancro e pretende reduzir a dependência do consumo de álcool.

A proposta foi anunciada esta sexta-feira, dia 1 de julho, e será. discutida até ao final do mês. O objetivo é que a regulamentação do marketing e da publicidade relativos ao álcool sejam iguais às que já são aplicadas ao tabaco. O plano de combate às doenças oncológicas agora divulgado também propõe o aumente os preços dos produtos com nicotina e cigarros eletrónicos a idade legal para venda, limitando o acesso aos mesmos.

Desta forma, espera-se que “as pessoas percebam quais são os fatores de risco” de vários tipos de cancro, segundo explica José Dinis, director do Programa Nacional para as Doenças Oncológicas.

O  álcool está identificado pela International Agency for Reserch on Cancer (IARC) e pela OMS como carcinogénico, bem como certos alimentos, como as carnes processadas. Ambos estão os consumos estão relacionados com o aparecimento de doenças oncológicas e seu consumo deve ser evitado.

O cancro é responsável, todos os anos, por 2,1 milhões de mortes na Europa, sendo a segunda maior causa de mortes em todo o mundo. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), a doença oncológica irá afetar pelo menos um quarto da população europeia ao longo da vida.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT