Saúde

Canábis pode prevenir infeção por Covid-19, diz estudo

Ácidos que foram extraídos de plantas de canábis bloquearam a infeção em células humanas testadas em laboratório.
O estudo foi feito no Oregon.

Um novo estudo científico já validado por outros investigadores, concluiu que há elementos das plantas de canábis que previnem a infeção por Covid-19. Foram extraídos ácidos das plantas, que bloquearam a infeção em células humanas testadas em laboratório. 

Segundo os investigadores da Oregon State University e Oregon Health & Sciences University, o uso destes componentes pode ajudar a lutar contra a propagação do novo coronavírus. “Com o uso generalizado dos canabinóides, há variantes resistentes que ainda podem aparecer, mas a combinação da vacinação e do tratamento de CBDA/CBGA deverá criar um ambiente mais desafiante para o SARS-CoV-2”, escrevem os cientistas.

O estudo americano foi divulgado na publicação científica “Journal of Natural Products”. Para obter os componentes CBDA/CBGA é preciso extraí-los da planta — ou seja, é impossível fumar canábis e obter estes elementos que podem ser benéficos no combate à Covid-19.

Caso estes componentes venham a ser comercializados como produtos de saúde, os investigadores recomendam que o sejam na forma de comprimido ou xarope.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT