Saúde

Cientistas vão investigar se a origem da Covid-19 foi ou não um laboratório

A comissão criada pela revista “Lancet” está a colocar todas hipóteses em perspetiva.
Ha mais de 29 milhões de infetados em todo o mundo.

Tem sido uma das teorias desde o início da pandemia, mas há também quem a coloque totalmente de lado. Afinal, o novo coronavírus foi ou não criado em laboratório? A dúvida permanece e há um grupo de cientistas que vai acabar com ela.

A equipa de especialistas faz parte da Comissão Lancet Covid-19, um órgão da revista científica criada em julho passado para “oferecer soluções práticas para a pandemia e recomendações para que uma próxima possa ser evitada ou melhor combatida”, pode ler-se no jornal “The Telegraph”.

A publicação britânica explica que a análise da origem da doença será liderada por Peter Daszak, um zoólogo britânico especialista em doenças que passam da espécie animal à humana. O especialista garante que “ele e a sua equipa irão “examinar sistematicamente todas as teorias” sobre a origem do vírus com “uma mente aberta”, ainda que seja improvável dar uma certeza absoluta.

“Mas o que podemos fazer é olhar para todas as teorias possíveis sobre as origens da Covid-19 e dizer ‘quais são as evidências para isto?’ E então colocamos todas essas teorias juntas e perguntamos, ‘onde está a preponderância das provas?”, disse ao “Telegraph”.

A equipa da Lancet já avançou que, até ao momento, as provas indicam que a infeção por Covid-19 é um vírus de origem natural, mas que os investigadores irão examinar “a possibilidade de envolvimento de um laboratório”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT