Saúde

Cristiano Ronaldo oferece camas e ventiladores ao Hospital de Santa Maria

O agente de futebol Jorge Mendes também participou nesta doação que se traduziu na compra de material.
A doação foi feita ao Hospital de Santa Maria.

Os apelos à doação de material médico têm sido constantes e há quem responda prontamente. Esta terça-feira, 24 de março, chegou a notícia de que Cristiano Ronaldo e o agente do futebol Jorge Mendes fizeram uma doação a duas unidades de cuidados intensivos do Hospital de Santa Maria, em Lisboa.

Daniel Ferro, presidente desta unidade hospitalar, revelou ao “Correio da Manhã” que a oferta de ambos permitiu reforçar o número de camas para os doentes de Covid-19, passando a ter agora um total de 51, em vez de 31. Além disso, foram doados 20 ventiladores.

“Foram de um espírito absolutamente altruísta e solidário. Queriam melhorar as condições dos compatriotas. Por isso, reforçámos a área dos cuidados críticos, que é aquela onde se vai travar o maior combate”, disse Daniel Ferro.

Segundo a agência Lusa, CR7 e Jorge Mendes também ajudaram a equipar uma ala do Hospital de Santo António, no Porto, que vai ter o nome de ambos como forma de agradecimento.

“Esta unidade vai permitir a abertura de 15 camas de cuidados intensivos, integralmente equipadas com ventiladores, monitores e restante equipamento”, disse o Centro Hospitalar Universitário do Porto (CHUP), do qual faz parte a unidade hospitalar de Santo António.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT