Saúde

Enfermeiro reformado morre com Covid-19 após regressar para combater a pandemia

Alfonso Durante, de 75 anos, estava a apoiar uma unidade de saúde na região de Campania, em Nápoles.
Alfonso precisou de um ventilador.

Alfonso Durante, de 75 anos, morreu esta segunda-feira, 23 de novembro, depois de ter sido infetado com Covid-19. O que torna esta história excecionalmente triste é o facto deste enfermeiro italiano ter regressado da reforma ao ativo para ajudar a combater a pandemia na primeira linha.

Segundo o site italiano “Vesuvio Live“, Alfonso estava a reforçar a equipa de emergências de uma unidade de saúde em Grumo Nevano, que fica na região da Campania, em Nápoles, Itália. Não se sabe quando terá sido infetado, mas os seus colegas reportaram que foi internado nos cuidados intensivos e até foi necessário o apoio de um ventilador.

Na tarde de segunda-feira, a página de Facebook “Nessuno tocchi Ippocrate” publicou uma homenagem ao enfermeiro, onde afirma que este estava a “aproveitar a reforma” e quis “colocar de novo o uniforme” para ajudar as pessoas em dificuldades.

Esta página representa uma associação de profissionais de saúde que denuncia casos de violência contra técnicos, médicos e enfermeiros. A mesma publicação apelou ainda a que os profissionais reformados se mantenham em casa e evitem colocar-se em risco.

Segundo a imprensa italiana, o conselheiro regional de Campania, Francesco Emilio Borrelli, quer que Alfonso — a quem muitos no seu país consideram agora um “herói” — receba postumamente uma medalha por “honra civil”. 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT