Saúde

Espanha bate recorde de novas infeções — e a princesa Leonor fica de quarentena

Esta sexta-feira, 11 de setembro, foram registados mais de 12 mil novos casos. O valor mais elevado de sempre num só dia.
Novas medidas a caminho.

É um número nunca antes alcançado em Espanha: em apenas 24 horas, foram registados 12.183 novos casos de infeção por covid-19, o valor mais elevado desde o início da pandemia. De acordo com o Ministério da Saúde espanhol, numa comunicação feita esta sexta-feira, 11 de setembro, os novos casos elevam assim para 566.326 o número total de infetados no país.

No mesmo período, Espanha registou mais 48 mortes com a doença, aumentando o total de óbitos para 29.747. Do ponto de vista geográfico, Madrid continua a ser a comunidade autónoma com o maior número de infeções verificadas desde quinta-feira, com 1.427 novos positivos, seguido do País Basco com 563, Andaluzia com 403 e Aragão com 371.

Foi também esta sexta-feira que se soube que a princesa Leonor teve de ser colocada sob quarentena, juntamente com o resto da sua turma, depois de uma colega ter testado positivo para covid-19. A filha mais velha dos reis Felipe VI e Letizia tinha regressado às aulas na quarta-feira, dia 9 de setembro, no colégio Santa María de los Rosales, em Madrid.

De acordo com o “El Pais”, a quarentena da jovem de 14 anos foi determinada esta sexta-feira, dia 11.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT