Saúde

Glúteos e meditação: os segredos do “elixir da juventude” de Chris Hemsworth

O ator está concentrado no seu bem-estar diário. Por isso, começou a priorizar um treino funcional com foco no aquecimento.
O bem-estar é um dos objetivos do ator.

Chris Hemsworth alcançou a fama no mundo do cinema graças os vários personagens de super-heróis. O ator é conhecido por interpretar Thor nos filmes da Marvel, um papel que implica uma grande preparação física e um treino muscular muito intenso. O seu próximo filme (“Furiosa: Uma Saga Mad Max”) estreia a 23 de maio de 2024, por isso, tem de continuar a manter-se em forma. No entanto, o foco do ator parece ter mudado: hoje em dia, o ator está mais dedicado a envelhecer de forma mais saudável do que ao desenvolvimento da força e de ainda mais músculos no ginásio.

“Desde que começámos até agora, definitivamente o treino mudou. Antigamente, tratava-se de dar o máximo que podíamos. Agora, estamos um pouco mais velhos, por isso, demoramos mais tempo no aquecimento e damos um destaque maior à recuperação”, afirmou Luke Zocchi, amigo de longa data e personal trainer do ator há 12 anos, numa entrevista ao “Business Insider”.

Zocchi é um dos profissionais por detrás do Centr, uma aplicação de fitness criada por Hemsworth, que oferece vários tipos de treino, desde exercícios com bandas elásticas ou até meditação (pode saber mais sobre esta app neste texto da NiT). O PT admite que a rotina do ator mudou ao longo dos anos, sendo que, neste momento, para se manter em forma, dá prioridade aos glúteos e às sessões de meditação.

Em 2022, o ator australiano (agora com 40 anos) descobriu que tem uma predisposição para desenvolver Alzheimer — uma doença degenerativa que causa a deterioração dos sistemas cognitivo e neurológico. Submeteu-se a vários testes e análises no âmbito do seu documentário “Limitless” e foi assim que ficou a saber que tem “entre oito a dez vezes mais” de probabilidade de desenvolver a doença, do que uma pessoa comum. Aproveite para ler mais sobre esta doença neste artigo da NiT.

Mas isso não o impede de manter a boa forma física. Nesta fase da vida, a principal preocupação do ator é prevenir eventuais problemas musculares ou outros Por isso, as sessões de treino englobam um período mais alargado de aquecimento para que os músculos certos sejam ativados — Zocchi garante que, assim, os resultados são melhores e há um menor risco de desenvolver lesões.

Mais tempo de aquecimento, glúteos e meditação

Mais recentemente, Hemsworth tornou-se fã das chamadas booty bands, as faixas elásticas de resistência utilizadas ao redor dos tornozelos ou das coxas para estimular os glúteos. Este tipo de treino é uma “forma excelente e de baixo impacto” de fazer exercício de maneira “mais inteligente e menos intensa”, acrescentou o personal trainer.

“Ele está a abrandar a intensidade dos exercícios e a concentrar-se na ligação entre os músculos e a mente”, adiantou Zocchi. Com a agenda de treinos intensos, o ator sempre deu primazia à recuperação muscular, chegando até a mergulhar numa banheira de gelo. Agora, prefere “desacelerar” e relaxar com uma sessão de meditação acompanhada pela aplicação. Aliás, no final de cada treino deitam-se os dois de costas no chão para um “momento zen”.

“Fazemos uma meditação guiada no Centr durante cinco ou dez minutos apenas para acalmar”, explicou. “Isso dá sinais ao corpo de que o ‘modo de combate’ acabou.” Este momento ajuda a aliviar o stress, promovendo a recuperação e a reparação muscular de forma mais rápida.

Segundo Zocchi, o treino funcional traz mais vantagens para uma maior longevidade e bem-estar (um dos objetivos mais recentes de Hemsworth) do que os exercícios intensos para conseguir desenvolver os músculos típicos dos protagonistas da Marvel. O treino do ator depende do papel para o qual se está a preparar, mas a hipertrofia muscular típica da aparência de um super-herói nem sempre é sinónimo de força. O foco excessivo nos exercícios com máquinas fez com que a estrela de Hollywood acabasse por ter mais dificuldade em realizar os seus hobbies, como o surf. 

“Para os filmes da Marvel, o Chris tenta desenvolver os músculos ao máximo, quase como um fisiculturista. Quando estava a ficar muito grande, dizia que se sentia como se estivesse a transformar-se num robô e não conseguia movimentar-se de forma funcional”, explicou o PT. Por isso, os seus treinos atuais dão prioridade aos walking lunges e aos farmer carries (carregar kettlebells ao longo de vários metros) — práticas diretamente relacionadas com a melhoria dos movimentos funcionais, da mobilidade e do bem-estar no dia a dia.

“Nos primeiros dias fazíamos muito mais trabalho mecânico, o que é ótimo se estivermos a tentar ganhar muitos músculos, mas agora estamos mais focados no corpo inteiro, na estabilidade e na força ao mesmo tempo”, sublinha.

O jejum intermitente

O ator é também um conhecido adepto do jejum intermitente para perder peso e preparar-se para vários papéis. Um dos desafios que fez parte do documentário “Limitless” passou por estar quatro dias sem comer, para testar os benefícios da privação de alimentos.

Na entrevista ao “Business Insider”, Luke Zocchi revelou também que ele e o assistente do ator também planeavam aderir ao jejum em jeito de solidariedade. Porém, foram desafiados pelo diretor da produção a fazerem o contrário: deviam tomar as refeições frente a Hemsworth para testarem a sua resistência.

Após dois dias de jejum, quando o ator regressava de uma competição aquática (também gravada para o documentário), encontrou o seu assistente e o personal trainer a devorar dez pizzas. “Honestamente, achei que ele fosse chorar”, recorda Zocchi.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT