Saúde

Governo sobre inverno nos lares: “Estamos a preparar o pior e esperar o melhor”

Os idosos são um dos principais grupos de risco face à infeção por Covid-19.
Ainda há surtos ativos em lares.

Os lares têm sido um dos principais focos de atenção das autoridades de saúde face à pandemia de Covid-19. Por isso, foram novamente tema na habitual conferência de imprensa de acompanhamento da evolução da doença em Portugal, que decorreu esta quarta-feira, 30 de setembro.

Sobre as brigadas de intervenção rápida para auxiliarem estas instituições, a ministra da Saúde disse que começam em outubro mas “terão, porventura, menos profissionais do que estava planeado face às dificuldades que têm sido reportadas”. Serão cerca de 60 enfermeiros e 200 ajudantes espalhados por todos os distritos.

Ainda assim, no que diz respeito ao inverno dos lares este ano, a ministra da Saúde diz que “estamos a preparar o pior e esperar o melhor para termos a melhor resposta possível no terreno”.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT