Subscreva a nossa newsletter para receber as melhores sugestões de lifestyle todos os dias.

Saúde

Há mais 5290 infetados e 71 mortes pelo novo coronavírus em Portugal

O último boletim divulgado pela Direção-Geral da Saúde avança que há também mais 11 pessoas nos cuidados intensivos.
Também houve mais pessoas recuperadas nas últimas 24 horas.

Depois de dois dias com números que rondaram os quatro mil casos diários, o mais recente boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) mostra que o número de infeções continua descontrolado. Nas últimas 24 horas, foram registados mais 5.290 infetados pelo novo coronavírus no nosso País. Além disso, confirmaram-se 71 mortes provocadas pela doença.

O relatório divulgado esta quarta-feira, 25 de novembro, avança também que o número total de casos no nosso País desde o início da pandemia é de 274.011. Ao todo, registaram-se 4.127 mortes por complicações causadas pela Covid-19, sendo a maioria registada na região norte (35). Há, neste momento, 80.228 casos ativos da doença em Portugal — mais 96 comparativamente com o dia anterior.

No que diz respeito à divisão geográfica, é a região norte que detém mais casos acumulados, com 143.129 (mais 3.324 infetados), seguida de Lisboa e Vale do Tejo, com 92.230 (mais 1.177). O centro do País regista 26.455 (mais 506) casos, enquanto o Algarve tem 4.951 (mais 81) e o Alentejo chega aos 5.576 (mais 256). Nas regiões autónomas, o boletim diário refere que os Açores têm um total de 844 (mais 16 infetados) e na Madeira existem 826 (mais 30 casos).

Os dados da DGS revelam ainda que existem, até à data, 3.251 pessoas internadas em hospitais — menos 24 em comparação com o dia anterior — e 517 pacientes em unidades de cuidados intensivos, o que significa mais 11 doentes. Já o número de pessoas recuperadas da doença aumentou para 189.356 — são mais 5.123 do que no dia anterior.

No total, já foram infetadas mais de 59,8 milhões de pessoas em todo o mundo. O número global de mortes provocadas pelo novo coronavírus já ultrapassou a barreira dos 1,41 milhões.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT