Saúde

Idoso com medo de ficar sem vacina foi para a paragem de autocarro às 2h da manhã

Homem de 89 anos tinha medo de adormecer em casa e perder a sua vaga na inoculação.
Idoso não quer perder a vacina contra a Covid-19.

Um idoso de 89 anos foi encontrado esta quinta-feira, 18 de novembro, por dois polícias que patrulhavam as ruas de Lugo, em Espanha. O homem estava à 1h45 da manhã numa paragem de autocarro à espera de um transporte que o levasse até ao Hospital Universitário Lucus Augusti (HULA). O homem estava pouco agasalhado, os termómetros marcavam cinco graus Celsius e não havia qualquer autocarro a circular àquela hora.

Os dois polícias ficaram preocupados e decidiram abordar o idoso e perguntar se estava perdido. Não estava. Tinha medo de adormecer e não chegar a tempo de tomar a sua dose da vacina contra a Covid-19. 

Depois de verificarem que o homem não estava perdido nem era alguém dado como desaparecido, os agentes ofereceram-se para o levar a casa. O idoso respondeu que preferia esperar naquele local pelo autocarro e não correr o risco de perder a inoculação. Os dois representantes da autoridade decidiram então deixar o homem de 89 anos na porta do hospital onde pôde aguardar pela vacina, resguardado do frio.

A equipa médica realizou alguns exames de rotina ao idoso, por precaução, que esperou na instituição de saúde até à hora de ser vacinado.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT