Saúde

DGS está a ultimar plano de contingência para a peregrinação de outubro a Fátima

Nos próximos dias deverão ser revelados os pormenores de segurança que vão vigorar no Santuário.
Vai ter de pagar para estacionar.

A elevada afluência registada no passado domingo, 13 de setembro, obrigou os responsáveis pelo Santuário de Fátima a bloquear as entradas, de forma a evitar ajuntamentos que entrem em desrespeito pelas regras de segurança e obrigou a repensar os próximos eventos.  As medidas necessárias para realizar o 13 de outubro começaram a ser discutidas nos meios de comunicação social e pelos responsáveis políticos

Depois de ter confirmado que iria ocorrer uma reunião com o Santuário para afinar os pormenores, Graça Freitas confirmou esta quarta-feira, 23 de setembro, que já há um plano de contingência. “Deu-se início à apreciação do plano e no final saíra um parecer que terá em conta todas as normas em vigor e o momento epidémico em que estamos”, revelou a diretora-geral da Saúde.

Ainda não se sabe muitos pormenores de como será o plano, mas para já sabe-se apenas que não será possível planear a presença de 50 mil pessoas no Santuário de Fátima durante a próxima peregrinação. À “TSF“, a porta-voz do Santuário, revelou no dia de ontem, 22 de setembro, que já tinham apresentado medidas para a realização do 13 de outubro, com todos os cuidados e respeito pelas regras de segurança e higiene. 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT