saúde

Novo estudo diz que misturar vacinas aumenta resposta imunitária à Covid-19

Uma pesquisa do National Institutes of Health defende que seja dada uma toma combinada de fármacos da Pfizer ou da Moderna.
A pesquisa é do pesquisa do National Institutes of Health.

Um novo estudo da National Institutes of Health, nos Estados Unidos, defende que deve ser tomada uma dose combinada de vacinas contra a Covid-19. As pesquisas revelaram que se forem misturadas haverá uma maior resposta imunitária no combate ao novo coronavírus.

Os resultados conseguidos ainda têm de ser avaliados por um painel de responsáveis da Food and Drug Administration (FDA), o organismo que regula os medicamentos no país. Vacinar com uma dose de Johnson & Johnson e reforçar com uma de Pfizer ou da Moderna traz uma melhor resposta do sistema imunitário.

Nos Estados Unidos está a ser avaliada quem e quando se deve inocular com a vacina da Johnson & Johnson. Só depois dessa decisão é que o organismo se deverá também pronunciar sobre as conclusões deste recente estudo.

Neste momento estão a ser dados em casos específicos doses de reforço da Pfizer. Estão incluídas pessoas com 65 ou mais anos, que tenham doenças graves ou empregos com risco de infeção elevado.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT