Saúde

OMS alerta que a pandemia provocada pela Covid-19 está a piorar

Embora a situação pareça estar melhor na Europa, o cenário não é assim no resto do mundo.
Há mais de sete milhões de infetados em todo o mundo.

Esta segunda-feira, 8 de junho, a Organização Mundial da Saúde (OMS) disse que a maioria das pessoas ainda corre o risco de infeção pelo novo coronavírus. O alerta chega numa altura em que vários países estão em fase de desconfinamento, o que tem gerado preocupação entre os responsáveis clínicos.

O diretor-geral da OMS, Tedros Ghebreyesus, revelou na habitual conferência de imprensa que o contágio pelo novo coronavírus “está a melhorar na Europa, mas globalmente está a piorar”.

Em nove dos últimos dez dias têm sido registados “mais de 100 mil novos casos”. O número diário mais alto de novas infeções — 136 mil – foi atingido no domingo, 7 de junho.

“Diria agora que a epidemia na América Central e do Sul é a mais complexa de todas as situações que enfrentamos globalmente”, acrescentou, citado pela “CNBC”, Mike Ryan, diretor executivo do programa de emergências da OMS.

“Continuamos a exigir vigilância ativa para garantir que o vírus não recupera”, disse, avisando que as investigações demonstram que a ameaça ainda é grande.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT