Saúde

OMS confirma vestígios do vírus de poliomielite nos esgotos de Londres

A doença causada pelo poliovírus é muito contagiosa e pode ser mortal. O vírus espalha-se facilmente através de água contaminada.
Para já não há infetados no país.

As autoridades britânicas encontraram vestígios do vírus da poliomielite nos esgotos de Londres, durante uma uma inspeção de rotina. A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmou na passada quarta-feira, 22 de junho, tratar-se efetivamente desta patologia, mas frisou que não havia nenhum caso de de saúde associado.

A Agência de Saúde e Segurança do Reino Unido (UKHSA) acredita que o vírus pode ter chegado ao Reino Unido no início deste ano através de uma pessoa vacinada no estrangeiro, provavelmente no Afeganistão, Paquistão ou Nigéria e que essa pessoa possivelmente infetou outros indivíduos.

A autoridade inglesa comunicou que o vírus foi detetado em amostras recolhidas entre fevereiro e junho na estação de esgotos de Beckton, que serve cerca de quatro milhões de pessoas no norte e leste da capital.

A OMS considera “importante que todos os países, especialmente aqueles com grande volume de viagens e contacto com países e áreas afetadas pela pólio, reforcem a vigilância para detetar rapidamente qualquer importação do vírus e facilitar uma resposta rápida”. De acordo com o organismo, “qualquer forma de poliovírus, onde quer que seja encontrada, representa uma ameaça para as crianças em todo o mundo”.

Segundo a descrição no site da Saúde 24, o vírus da poliomielite é extremamente contagioso e atinge sobretudo os miúdos pequenos. “Este invade o sistema nervoso e pode causar paralisia total numa questão de horas. Os casos de poliomielite diminuíram mais de 99 por cento desde 1988, de cerca de 350 mil casos em mais de 125 países endémicos, para 29 casos relatados em 2018, mundialmente.”

O poliovírus espalha-se facilmente quando uma pessoa infetada tosse ou espirra e também pode propagar-se através de alimentos ou água que estiveram em contacto com as fezes de alguém doente com poliomielite .

Em Portugal, a vacina contra a poliomielite está incluída no programa nacional de vacinação e é aconselhado que seja administrada nas crianças até aos cinco anos. 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT