saúde

OMS diz que variante indiana pode levar a nova vaga na Europa, mesmo com vacinas

A organização alerta que apesar do avanço da vacinação poderá existir um aumento de mortes e internamentos nos hospitais.
A vacinação pode não ser suficiente.

A vacinação está a correr a bom ritmo na Europa, mas segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) pode não ser suficiente para travar uma nova vaga de Covid-19 no próximo outono. O organismo alerta que a estirpe indiana poderá ser a causa de novas infeções mesmo após a primeira toma da vacina.

“No verão passado, os casos aumentaram gradualmente em grupos de idades mais jovens, depois mudaram para grupos de idade mais avançada, levando a uma devastadora perda de vidas no outono e inverno de 2020. Não vamos cometer esse erro novamente”, disse Hans Kluge, o diretor da regional da OMS na Europa.

Já Katy Smallwood, também da OMS, alertou para a variante indiana que se está a tornar dominante na Europa e poderá trazer um aumento de infeções por ser mais contagiosa. 

“Vimos evidências muito significativas de transmissibilidade e mais elevadas, vimos a base inicial para o aumento do risco de hospitalização e vimos algumas evidências de escape imunológico, especialmente logo após apenas uma dose da vacina”, explicou.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT