Saúde

Portugueses pensam mais em comida do que em sexo — desta ninguém estava à espera

É uma das principais conclusões de um estudo baseado nas respostas de 1.300 portugueses, na sua maioria mulheres.
Os portugueses até com comida sonham.

Os portugueses têm uma relação muito especial com a comida. Uma afirmação que não é propriamente novidade para muitos de nós. Quantas vezes não estamos à mesa e um dos tópicos favoritos de conversa é precisamente o que estamos a comer (ou o que vamos cozinhar no futuro)? E quando não estamos a almoçar ou a jantar, estamos muitas vezes a planear o será a nossa próxima refeição.

Não é então de estranhar que, segundo um estudo recente, a comida seja um dos principais assuntos em que os portugueses mais pensam diariamente — ultrapassando mesmo o sexo e até o futebol, outro dos temas preferidos.

O estudo foi feito pelo site de delivery takeaway.com e analisa as respostas de 1.300 portugueses: 21 por cento dos participantes tinha idades compreendidas entre os 35 e os 44 anos, com as mulheres a representar a maioria dos entrevistados (53 por cento). Quanto às regiões de Portugal, grande parte dos inquiridos encontra-se na região do Norte (35 por cento), seguida da Área Metropolitana de Lisboa (29 por cento).

O objetivo do inquérito era tentar perceber em que é que os portugueses pensam durante o dia. A família foi referida pela maioria das pessoas (65 por cento), seguida do trabalho (57 por cento), o que não é surpreendente. A resposta que se encontra no terceiro lugar do pódio é que pode causar alguma surpresa. Segundo o estudo, a comida é a terceira coisa em que pensamos mais regularmente no dia a dia, com uma percentagem de 49 por cento.

Na verdade, segundo a amostra, pensamos mais em comida do que nas tarefas domésticas (41 por cento), em sexo (34 por cento), nos amigos (37 por cento) e até mesmo em futebol (14 por cento). 

O estudo descobriu também que muitos portugueses sonham com aquilo que comem. Durante estes devaneios, os pratos que imaginamos com maior frequência são aqueles que tentamos evitar no dia a dia, como os hambúrgueres, pizzas e fast food (40 por cento) em primeiro lugar e as sobremesas, gelados, doces e bolos (36 por cento) em segundo.

Mais de 75 por cento dos portugueses admite pensar em comida entre duas a cinco vezes por dia, com os pratos de carne a serem aqueles com que os portugueses mais fantasiam (52 por cento), especialmente os homens (63 por cento), com as mulheres a tender mais para o segundo da lista, os petiscos (50 por cento).

Carregue na galeria para descobrir algumas sobremesas deliciosas e que pode comer sem sentir culpa.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT