Saúde

Estas são as melhores posições para dormir (e conheça as que deve evitar)

Acorda com dores ou ressona? Talvez seja melhor escolher uma posição diferente da habitual quando se deita.
A posição em que dorme pode estar a fazer-lhe mal.

Um estudo do Instituto de Medicina dos EUA descobriu que entre 50 e 70 milhões de americanos sofrem de perturbações do sono. Principalmente porque há muitos norte-americanos a dormir sestas nas suas secretárias ou em pé numa fila da Starbucks. Mas sejamos sinceros: somos criaturas de hábitos e as posições em que dormimos provavelmente não vão mudar — afinal de contas, estamos a descansar de olhos fechados.

A verdade é que a posição em que dormimos influencia a nossa saúde. Assim sendo, existem pequenas alterações que pode fazer para dormir, e acordar, melhor.

Dormir de Costas

Se a sua posição preferida para adormecer é deitar-se de costas, está a obter mais benefícios durante o período de sono do que imagina. “A sua cabeça está virada para cima e o peso está uniformemente distribuído pela sua coluna”, tornando-a na posição mais ortopédica, diz Michael Breus, psicólogo clínico e autor do blogue “The Sleep Doctor”.

Dormir de costas permite que a gravidade ajude quem sofre de refluxo ácido, ao contrário do que acontece a quem enterra a cabeça debaixo da almofada. Se a mantiver ligeiramente elevada, o seu estômago ficará encaixado abaixo do esófago, pelo que é muito menos provável que os ácidos e os alimentos voltem a subir. 

No entanto, se tem tendência para ressonar, deitar-se de costas pode não é ser a melhor opção porque a gravidade impede-o de respirar.

Deitar-se para o lado esquerdo

Se deitado de lado é a posição mais confortável para si, os peritos recomendam que o faça para o lado esquerdo. “Dormir para o lado direito empurra os vasos sanguíneos, impedindo uma boa circulação de retorno para o coração”, diz Michael Breus. Devido a esta pressão adicional nas suas veias, o seu corpo move-se mais frequentemente durante a noite para acomodar a falta de circulação, resultando em noites mais agitadas.

Quer se deite para o lado direito ou esquerdo, deve sempre colocar uma almofada entre as pernas para ajustar o alinhamento entre o tronco e os joelhos.

Deitar-se para o lado direito 

Se a sua posição preferida é dormir para o lado direito, pode estar a prejudicar gravemente a sua saúde. O lado direito do corpo alberga todo o sistema cardiovascular. Quando dorme para o lado direito coloca mais pressão sobre as veias e artérias, costelas e pulmões.

Mas não se assuste: se for uma pessoa saudável não há razão para se preocupar — dormir do lado direito não lhe irá causar grandes problemas. Contudo, se estiver grávida, vai querer mudar para o lado esquerdo — rapidamente.

Com uma perna junto ao peito

Dormir com uma perna junto ao peito pode fazer mais mal que bem. “Ter ambas as pernas para cima durante o sono faz com que a pélvis se torne mais pesada e pode ajudar quem tem dores lombares, mas manter apenas uma perna para cima pode fazer o oposto”, diz Breus.

O deslocamento desigual da pressão num membro em relação ao outro pode causar danos nas costas a longo prazo. Assim sendo, uma das melhores posições de sono para quem sofre com dores lombares é dormir com as duas pernas junto ao peito, em posição fetal — nunca apenas uma perna.

Se acorda a meio da noite e repara que só tem uma perna junto ao peito, experimente colocar uma almofada entre as pernas. Isto vai ajudar a aliviar a pressão nas ancas e impede as pernas de mexerem durante o sono.

Dormir de barriga para baixo

Se gostar de se deitar nesta posição os especialistas consideram que é muito provável que acorde com dores e desconforto generalizado na manhã seguinte. “Dormir de bruços puxa a barriga para baixo, intensifica a curvatura da coluna e força a cabeça a girar num ângulo de 90 graus, o que acaba por colocar tensão no pescoço”, diz Breus. Resumindo: esta não é a melhor posição para dormir e pode acordar com um torcicolo .

Troque a almofada fofa e alta por uma mais firma e fina. Nesta posição não deve apoiar o pescoço muito alto, para permitir uma curvatura mais uniforme da coluna. E, para uma melhor circulação, coloque uma ou duas almofadas debaixo da zona pélvica. 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT