Subscreva a nossa newsletter para receber as melhores sugestões de lifestyle todos os dias.

Saúde

União Europeia já encomendou 160 milhões de doses da vacina da Moderna

Este é o sexto contrato assinado e prevê a compra quando a segurança da sua utilização estiver provada.
Plano europeu tem mais de 1650 milhões de doses

A Comissão Europeia anunciou esta terça-feira, 24 de novembro, a aprovação de um contrato com a Moderna para receber 160 milhões de doses da vacina contra a Covid-19. Apresentada a 16 de novembro, a empresa de biotecnologia garante que a vacina tem uma eficácia de 94,5 por cento contra a doença.

“Estou feliz por anunciar que aprovámos hoje um novo contrato para garantir mais uma vacina contra a covid-19 no nosso portefólio. Este contrato permite-nos comprar até 160 milhões de doses de uma vacina produzida pela Moderna”, disse a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

Este é o sexto contrato do género celebrado pela Comissão e haverá um outro já a ser trabalhado. O objetivo é dar “aos europeus acesso às futuras vacinas mais promissoras até agora em desenvolvimento” e ter por isso o leque mais abrangente do mundo no que toca às vacinas contra a Covid-19.

“Uma vez que fique efetivamente provado que a vacina é segura e eficaz, cada Estado-membro recebê-la-á ao mesmo tempo, numa base proporcional e nas mesmas condições”, sublinhou ainda von der Leyen em relação à vacina da Moderna.

De acordo ainda com a presidente da CE, a autorização da Agência Europeia de Medicamentos para a comercialização das vacinas da Moderna, da Pfizer e da BioNTech poderá chegar ainda na segunda metade de dezembro. Ao todo, a Comissão Europeia tem até ao momento contratos para receber mais de 1650 milhões de doses de vacinas.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT