Na cidade

Melhor Bairro do Mundo #2: Avenida de Roma é a melhor zona de Lisboa

Todas as semanas, a NiT vai ter um convidado a escrever sobre o seu bairro. A ideia é que explique por que é que aquele é o melhor bairro da cidade. Hoje é a vez da repórter da NiT Ana Bernardino.

Em criança ia com a minha mãe buscar os bolos de aniversário para as festas lá de casa à antiga Pastelaria Roma. Também íamos lanchar muitas vezes ao café do antigo Cinema Londres, antes de irmos ver o filme da sessão da tarde. Estas são as primeiras memórias que guardo daquela que é, indiscutivelmente, a melhor zona da cidade: a Avenida de Roma e todas as ruas adjacentes, desde a Avenida João XXI, à Avenida de Paris, Praça de Londres, Avenida Guerra Junqueiro e Manuel da Maia.

Esqueçam Campo de Ourique, Telheiras, o Restelo, ou o Príncipe Real. Tudo o que se quer está aqui. Merecem principal destaque as pastelarias, sendo que, só nesta zona, estão duas das mais prestigiadas da cidade —a Mexicana, na Praça de Londres, e a Luanda, no cruzamento com a Avenida Estados Unidos da América,na Avenida de Roma.Além destas, temos ainda a Padaria Portuguesa na Avenida João XII, mesmo ao lado Confeitaria Lisboa, e mais umas boas dezenas delas.

Se quiser comer um hambúrguer, vou à B’Perfect Burguers, se quiser comer uma pizza vou à Pizzaria Lucca, se quiser um pastel de massa tenra, sento-me na esplanada do Frutalmeidas, se quiser um baggel vou ao NYBC Bagel Cafe, naAvenida de Paris, e se me apetecer um bife com batatas fritas o Café Império também não fica muito longe.Depois de fazer a digestão disto tudo, posso ainda ir treinar ao recente ginásio Supera.

A livraria Barata e a Bertrand dão-me horas de leitura. E a varanda do bar do Teatro Maria Matos bons momentos com os meus amigos a beber um copo.

Mas aquilo de que eu mais gosto na Avenida de Roma é do ambiente: é segura, é limpa, é muito familiar.Todos os prédios entre a zona da Casa da Moeda, Alameda Afonso Henriques e Alvalade são do tempo do Estado Novo e eu adoro-os. No meio deles, posso encontrar jardins e quiosques sossegados. A rua é frequentada por todo o tipo de pessoas: desde os velhinhos que sempre moraram ali, aos miúdos que estudam no Liceu Dona Filipa de Lencastre ou no Rainha Dona Leonor.

Outro ponto importantíssimo a destacar é a proximidade: a Avenida de Roma fica colada a Alvalade e fica muito perto do Areeiro e da Alameda. Se andar mais um bocadinho, também consigo chegar a Arroios. Em dez minutos também chego ao Campo Pequeno, ao jardim do Arco do Cego e ao Saldanha. Quem disse que o centro de Lisboa é no Marquês de Pombal estava errado — o centro fica na Avenida de Roma.

Depois de tudo isto, temos ainda mais 15 motivos que comprovam que a zona da Avenida de Roma é a melhor da cidade.
Para os conhecer, carregue na imagem acima.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT